Informações sobre o álbums
  • editoria:Geral
  • galeria: Lista Vermelha de espécies ameaçadas é atualizada
  • link: http://noticias.uol.com.br/ciencia/album/10listavermelha_album.htm
  • totalImagens: 8
  • fotoInicial: 8
  • imagePath: http://cs.i.uol.com.br/album/
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20120313170120
    • Meio ambiente [11359]; Extinção [11257];
    • Ciência [45097];
Fotos
Apesar dos programas ambientais, a União Internacional para Conservação da Natureza enfatiza que 25% dos mamíferos estão sob risco de extinção. É o caso de diversas espécies de rinocerontes. Algumas delas, porém, apresentaram avanço graças aos projetos de conservação, como é o caso dos rinocerontes brancos da espécie <i>Ceratotherium simum simum</i>, cuja população passou de 100 indivíduos no fim do século 19 para mais de 20 mil Richard Emslie/IUCN Mais
Os cavalos de Przewalski (<i>Equus ferus</i>) são outra história de sucesso - as espécies passaram da categoria "criticamente ameaçadas" para somente "ameaçadas". Esses cavalos foram declarados extintos em 1996, mas um programa fez com que a população hoje seja estimada em mais de 300 Patricia D Moehlman/IUCN Mais
A lista atual mostra que 40% das espécies de répteis terrestres de Madagascar estão ameaçadas. A sobrevivência desses camaleões, lagartos e cobras representa um desafio, segundo a IUCN. Novas áreas de conservação foram criadas para manter espécies criticamente ameaçadas, como o camaleão Tarzan (<i>Calumma tarzan</i>) Jörn Köhler/IUCN Mais
Por causa do seu status na Lista Vermelha, espécies ameaçadas de lagartos como o Paroedura masobe agora terão mais destaque em projetos de conservação futuros Franco Andreone/IUCN Mais
A lista da IUCN também traz descobertas científicas. Até recentemente, apenas uma espécie de arraia gigante era conhecida. Análises recentes agora mostram que existem duas espécies: a <i>Manta alfredi</i> e a <i>Manta birostris</i>, esta última também chamada de "gigante" (a criatura pode alcançar mais de sete metros de diâmetro). Essas arraias têm sido alvo de pesca por sua aplicação na medicina tradicional chinesa Andrea Marshall/IUCN Mais
Entre as criaturas aquáticas destacadas na lista estão os atuns: cinco das oito espécies existentes estão classificadas como ameaçadas ou vulneráveis, segundo a IUCN Keith Ellenbogen/Oceana/IUCN Mais
A entidade destaca a importância dos anfíbios para os ecossistemas, uma vez que esses animais são indicadores da saúde do meio ambiente e têm sido usados na busca de novos medicamentos. A Lista Vermelha foi complementada com 26 anfíbios recentemente descobertos. Na foto, o <i>Ranitomeya benedicta</i>, incluído na categoria "vulnerável" Jason Brown/IUCN Mais
O sapo venenoso da espécie <i>Ranitomeya summersi</i> foi classificado como ameaçado na edição de 2011 da Lista Vermelha Jason Brown/IUCN Mais

Lista Vermelha de espécies ameaçadas é atualizada

Veja mais: PROTESTO DO GREENPEACE , A 'BELEZA' DA DEGRADAÇÃO AMBIENTAL

ÚLTIMOS ÁLBUNS DE UOL CIÊNCIA



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos