Pesquisadores identificam menor mamute do mundo

Em Paris

O menor mamute identificado até agora vivia em Creta há centenas de milhares de anos, media 1,13 metros e pesava cerca de 310 quilos, segundo um estudo publicado nesta quarta-feira (9).

"Se tivesse que reconstituí-lo, teríamos que fazer uma espécie de pequeno elefante, mas mais robusto, com membros mais grossos e que, adulto, teria os caninos curvos", explicou à AFP Victoria Herridge, paleontóloga do Museu de História Natural de Londres, autora do estudo.

"A imagem mais próxima seria a de um elefante da Ásia, mas com caninos", disse a autora do estudo publicado na revista Proceedings of the Royal Society B.

O "nanismo insular" é um fenômeno bastante conhecido dos biologistas. Deve-se sem dúvidas à necessidade de resistir à pressão de um entorno restrito, de recursos limitados, pelo qual as espécies de grandes mamíferos confinados nas ilhas tendem com o tempo a limitar seu tamanho.

Em troca, inversamente, os mamíferos pequenos tendem ao longo do tempo a desenvolver seu tamanho.

O mamute de Creta, o menor identificado até o momento, tem o nome científico de Mammuthus Creticus.

Últimas de Ciência



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos