Menina de 3 anos morre após cair de escada rolante de shopping em Canoas (RS)

Do UOL, em Porto Alegre

  • Divulgação

    Fachada do Canoas Shopping, onde uma criança de três anos morreu após cair da escada rolante

    Fachada do Canoas Shopping, onde uma criança de três anos morreu após cair da escada rolante

Uma menina de três anos morreu na madrugada deste sábado (8) após cair do segundo andar de um shopping em Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre. Luisa Igarcaba Marques chegou a ser socorrida e levada ao pronto socorro da capital, mas não resistiu aos ferimentos.

O acidente ocorreu por volta das 21h45min no Canoas Shopping. Conforme a assessoria de imprensa do centro comercial, a menina teria caminhado sozinha até a escada rolante, onde trancou a mão no corrimão e acabou tendo o corpo erguido, o que fez com que ela caísse do segundo para o primeiro piso.

Luisa foi atendida por uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e levada ao Pronto Socorro de Canoas, onde recebeu os primeiros cuidados. Entretanto, devido à gravidade de seus ferimentos, ela teve que ser transferida para Porto Alegre, onde morreu às 5h30min no Hospital de Pronto Socorro.

Peritos devem verificar o local do acidente ainda esta manhã. A polícia informou que requisitará imagens das câmeras de monitoramento do shopping para auxiliar nas investigações.

Em nota, o shopping informou que a equipe de segurança do shopping atendeu imediatamente a ocorrência e acionou o Samu. "O Canoas Shopping solidariza-se e segue dando todo o apoio necessário aos familiares", diz o comunicado.

Outro caso

Este é o segundo caso de acidente grave envolvendo crianças e escadas rolantes de shoppings na região metropolitana de Porto Alegre em pouco mais de dois meses.

No dia 2 de abril, um menino de quatro anos teve quatro dedos de uma das mãos arrancados ao cair de uma escada rolante no shopping Total, na região central de Porto Alegre. O garoto chegou a ficar preso na estrutura após a queda, e os bombeiros precisaram ser chamados para retirá-lo do local.  

Os pais do menino disseram à polícia que, em um momento de distração, a criança foi sozinha em direção ao equipamento onde ocorreu o acidente.

Notícias relacionadas

 

Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos