Publicidade



:
China e Japão, cruzando a fronteira
Entrosada, defesa do Brasil não pode falhar contra o Paraguai, diz Parreira
Lucro da Eletrobrás cai 71% e fica em R$ 323 milhões em 2003
MSN reformula portal para brigar com Google e Yahoo!
'Scooby-Doo 2' lidera bilheterias dos EUA no fim de semana
Índia de Roraima vai à OEA contra governo brasileiro

Índice
Envie esta
notícia por email

A ricinina, um veneno mortal extraído da semente de mamona
13h16 - 08/01/2003






PARIS, 8 jan (AFP) - O óleo de rícino é mundialmente conhecido como medicamento laxativo, mas o resíduo de sua preparação, a ricinina, a substância mais tóxica do reino vegetal, é considerada um veneno mortal.

Seis homens originários do Norte da África foram detidos domingo passado em Londres, depois que foi encontrado em um apartamento da cidade restos dessa substância.

A mamona, Ricinus communis, da qual se extrai o óleo utilizado na medicina, é uma planta originária das regiões tropicais da África, na forma de arbusto perene, mas se estendeu também a regiões de clima temperado de todo o mundo.

Cultivada para fins comerciais na Califórnia, foi levada para todo o Sul dos Estados Unidos. Na Nova Escócia (Canadá), é planta ornamental.

O fruto da mamona apresenta-se na forma de uma cápsula trilobulada e espinhosa, que contém três sementes. Destas se extrai o óleo de rícino, também explorado em escala industrial como ingrediente para lubrificantes, sabões e vernizes.

O óleo de rícino inibe a síntese de proteínas complexas nos intestinos, o que provoca complicações no aparelho digestivo. Quando ingerido, provoca cólicas, diarréias, vômitos e desidratação. A ricinina é tóxica para o fígado e o pâncreas, produzindo hemorragias e hipoglicemia. Leva, depois, a um estado de comoção e à morte.

Em caso de penetração por via respiratória, através de aerosol ou pulverização, a ricinina desenvolve uma toxicidade ainda maior, produzindo edemas pulmonares hemorrágicos.

Menos de um grama é suficiente para matar um homem de 100 quilos. Não existe antídoto para o veneno. O potencial da ricinina como arma biológica é importante, devido à sua alta toxicidade e o fato de ser fácil de adquirir, através das sementes de mamona.



Índice
LEIA SÓ
NOTÍCIAS DE:
Folha Online
UOL News
UOL Esporte
UOL Economia
UOL Tablóide
Mundo Digital
Veja Online
Vestibuol
UOL Diversão e Arte
UOL Música
Exame
BBC
The New York Times
Cox News Service
El País
Financial Times
Le Monde
Hearst Newspapers
The Boston Globe
TNYT News Service
USA Today
Consultor Jurídico
AFP Internacionais
AFP Negócios
AFP Esporte
AFP Diversão
Reuters Geral
Reuters Negócios
Reuters Esporte
Reuters Diversão
Lusa
UOL Rádios e TVs
UOL Corpo e Saúde
Notícias sobre o UOL
Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 2001 Agence France-Presse. Todas as informações
reproduzidas são protegidas por direitos de propriedade intelectual detidos pela AFP. Por conseguinte, nenhuma
destas informações pode ser reproduzida, modificada, armazenada, redifundida, traduzida, explorada comercialmente
ou reutilizada sem o consentimento prévio por escrito da AFP.