Em cerimônia de abertura dos trabalhos do Congresso, manifestantes gritam "fora, Renan"

Do UOL, em Brasília

Em cerimônia nesta segunda-feira (4) da abertura dos trabalhos do Congresso Nacional no ano de 2013, diversos manifestantes gritaram "fora, Renan" para o novo presidente do Senado e do Congresso Nacional, senador Renan Calheiros (PMDB-AL).

Duas faixas traziam os dizeres: "Fora, Renan. Abaixo o Senado" e "Até quando o Poder Legislativo envergonhará o Brasil?".

Cinco anos após renunciar ao cargo de presidente do Senado sob suspeita de irregularidades, Renan foi eleito na última sexta-feira (1º), em votação secreta, o novo presidente da Casa para o biênio 2013-2014. Renan era favorito para a disputa, mesmo tendo sido oficializado candidato no final da tarde desta quinta-feira (31), menos de 24 horas antes da eleição. Ele substitui o senador José Sarney (PMDB-AP) no posto, terceiro na linha sucessória da presidência da República.

Renan chegou ao Congresso em carro oficial. Acompanhado dos secretários-gerais da mesa e dos diretores-gerais das duas Casas Legislativas, ele foi recebido pelo presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), eleito hoje, pelo presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Joaquim Barbosa, e pela ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann.

Alves e Renan foram saudados pelos Dragões da Independência, a guarda de honra do Exército. Depois assistiram à execução do hino nacional e ao hasteamento das bandeiras, além da salva de gala de 21 tiros de canhão. Em seguida, passaram a tropa em revista.

Mensagem presidencial

A ministra chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, entregará ao Congresso Nacional a mensagem presidencial a ser lida na abertura dos trabalhos legislativos de 2013. A mensagem, enviada pela presidente Dilma Rousseff, deverá, segundo determina a Constituição, expor a situação do país e solicitar ao Poder Legislativo as "providências que julgar necessárias". A apresentação do documento é uma oportunidade de que dispõe a Presidência da República para divulgar à sociedade os seus objetivos para os próximos meses.

Gleisi e o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Joaquim Barbosa, serão recebidos à entrada do Congresso e encaminhados ao gabinete da Presidência da Câmara dos Deputados. De lá, sairão juntamente com o novo presidente da Câmara em direção ao Salão Nobre do Senado Federal.

Notícias relacionadas

 

Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos