O que fazer para prolongar a transa?

Pergunta

"Tenho 25 anos, sou casado, e quando tenho relações com minha esposa não consigo me controlar e ejaculo rapidamente. De vez em quando vejo que vou gozar e peço para ela parar um pouco, e após alguns segundos voltamos à relação. Uma vez procurei uma psicóloga, mas o preço cobrado é muito alto e elas demoram muito pra dar uma resposta concreta, como por exemplo 'o que fazer para demorar mais em uma relação'. O problema é que, quando chega a hora de sair, não tem jeito de segurar."

Resposta

Então você quer uma resposta concreta, tipo receita, de como se comportar para não ejacular precocemente. Infelizmente também não é desta vez que você vai conseguir. Aliás, você não vai conseguir isso nunca, mesmo pagando muito caro. Sabe por quê?

Porque quando você tem relação com sua esposa está em jogo o seu relacionamento com ela, com você mesmo, com seu corpo, o seu modo de ser na vida, e muito mais. É, caro, o sexo faz parte da sua vida, está integrado ao seu estilo de ser e viver. Isso significa que se você é ansioso, por exemplo, ou fica ansioso em determinadas situações, isso pode ocorrer também quando você transa.

Além disso, como você vive em sociedade, sua vida sexual também sofre influências das produções socioculturais. Já percebeu que hoje a maior queixa dos homens é justamente a da ejaculação precoce? Será que isso é uma doença contagiosa? Não, talvez isso seja apenas mais um produto da nossa época.

Mas vamos pelo menos tentar uma dica. A ejaculação é um mecanismo reflexo, ou seja, depois que começa não tem como ser interrompida. Portanto você precisa aprender a ser sensível ao aviso que seu corpo dá de que "está chegando a hora". É nesse momento, antes de o processo ser iniciado, que você pode agir. Você já descobriu isso, mas acha que existe um outro jeito, mágico, de fazer com que você não tenha nem a vontade de ejacular. Não, não existe.

Tratar da ejaculação precoce exige esforço da sua parte, exige uma ativa participação sua no processo para provocar mudanças. Essa é a grande reclamação dos homens: seguir uma receita ou tomar um remédio é uma atitude passiva, muito mais fácil. Mas a vida sexual exige compromisso e participação. O prazer é consequência disso.

(12/05/00)

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos