"Quando ela me toca, sinto um prazer enorme. Será que virei lésbica?"

Pergunta

"Sou casada há 17 anos e há 3 conheci uma mulher que me deu atenção, amizade, carinho e amor. Hoje me sinto atraída por ela. Quando a conheci, não sabia nada sobre homossexualidade. A amizade dela era cheia de carinho e, sempre que isso acontecia, eu me sentia bem, meu corpo respondia aos carinhos. Só depois de um certo tempo de conversa é que ela foi me contar que era lésbica. E ela sempre me falando que eu era como ela e não sabia, que eu só precisava de um empurrão. Hoje não consigo ser mais a mesma pessoa pois sinto que me apaixonei por ela. Quando ela me toca, eu sinto um prazer enorme. Será que virei lésbica? Por favor, me ajude!! No casamento eu era feliz e meu marido me completava, mas depois que isso tudo aconteceu meu casamento esfriou. Tenho 36 anos."

Resposta

Sabe de uma coisa? Talvez você precise, antes de qualquer coisa, saber um pouco mais a respeito de experiências parecidas com a sua. Isso não resolve a sua vida, mas é um apoio pelo menos para você não se sentir tão solitária nessa experiência e para, quem sabe, aprender algo com quem já passou por isso.

Para tanto, indico um livro interessante. Chama-se "Adeus, maridos" de Deborah Abbot e Ellen Farmer, publicado pelas edições GLS. O livro é uma coletânea de histórias de mulheres que foram casadas e, depois, se reconheceram homossexuais.

Bem, agora vamos ver que história é essa de uma mulher "virar lésbica", como disse você. Você deve saber na carne como a educação sexual que as mulheres recebem é preconceituosa e repressora. E isso provoca vários efeitos. Mas um, entre eles, é nítido: a dificuldade de a mulher conseguir reconhecer e assumir seu desejo sexual, não importa qual seja ele.

Se você der uma lida nas perguntas que as adolescentes encaminham ao UOLTeen Sexo, vai perceber que quase sempre elas se localizam em relação ao desejo do namorado, e não ao delas.

O que isso tem a ver com uma mulher "virar lésbica"? O fato, talvez, de só com a maturidade ela conseguir perceber com mais clareza o que ela quer, e não o que querem para ela. Por isso é mais fácil dizer que talvez você tenha se reconhecido lésbica só agora, e não que tenha se tornado uma.

Mas pode ser também que não seja isso, que seja um encantamento passageiro por quem oferece aquilo que você tanto quer agora. Mas como saber qual a sua direção, afinal?

Ah, minha cara, só você apostando em se conhecer melhor pra descobrir qual é a sua nessa história toda. Essa sua amiga sabe o que quer, e batalhou pra conseguir. E agora é hora de você saber se quer o mesmo que ela, ou não. Por isso, em frente e com coragem.

Boa sorte!

(02/07/01)



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos