Amor, eterno amor: casal fica noivo 60 anos após 1º encontro

Fabrício Calado
Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/State Gazette

    Fofuscos ou não? Compartilhe isso com seu namorado, aquele ingrato que só te enrola

    Fofuscos ou não? Compartilhe isso com seu namorado, aquele ingrato que só te enrola

Pense no amor como uma soma de clichês: "antes tarde do que nunca"+"o amor é lindo" = o amor é lindo, ainda que tardio. 

Peggy Marie Pence Schuster e Henry O. Freund, ambos na casa dos 80, fizeram votos de casamento no domingo (13) na cidade de Dyersburg (EUA), 60 anos após se encontrarem pela primeira vez

Os dois se conheceram em uma faculdade de Memphis e tiveram um relacionamento amoroso breve, entre 1950 e 1951. Em 1952, Henry se alistou no Exército, casou e teve três filhos com outra mulher. Peggy também seguiu seu rumo.

O casal se reencontrou anos depois, em 2001, por iniciativa de Henry, àquela época um padre. Ele procurou Peggy para lhe dar os pêsames, quando soube que ela se tornara viúva. Henry também perdera sua mulher.

Reestabelecido o contato, não demorou muito para os dois perceberem que sua chama não havia apagado. Agora, o casal parece um par de adolescentes de novo, prestes a se casar e... *snif, snif*... (o estagiário de UOL Tabloide diz que não está chorando e isso não é uma lágrima, é que está meio empoeirado aqui, e tal...)

A propósito de romance, ó só:
Veja Álbum de fotos
 

Shopping UOL