Menino de 12 anos mata irmã de oito a facadas e é preso nos EUA

De Los Angeles

A polícia apreendeu um menino de 12 anos pelo homicídio de sua irmã de 8, morta a facadas em sua casa há duas semanas, em um caso que despertou a atenção da imprensa e uma intensa caçada policial em um povoado rural do centro da Califórnia (oeste dos Estados Unidos).

"Os detetives do escritório do xerife do condado de Calaveras apreenderam o menino de 12 anos, irmão de Leila (Fowler), por acusação de homicídio", informou um comunicado do Escritório do Xerife de Calaveras, a sudeste de São Francisco, divulgado no sábado à noite.

"Dedicamos 2.000 horas a esta investigação para dar à família de Leila Fowler respostas por sua morte", acrescentou o xerife Gary Kunts, em coletiva de imprensa pouco depois da prisão.

Leila morreu no dia 27 de abril, quando ela e seu irmão, cujo nome não foi divulgado, estavam sozinhos em casa no Valley Springs, um povoado rural que pertence ao condado de Calaveras, próximo a Sierra Nevada.

O menino disse à polícia que viu um estranho fugir da casa e que, pouco depois, encontrou a irmã esfaqueada. O menino chamou os pais, que ligaram para a emergência. Leila morreu pouco depois no hospital, segundo o jornal local The Sacramento Bee.

A polícia procurou o suposto estranho de porta em porta, em uma intensa caçada que incluiu a escola primária de Leila e as rotas dos ônibus escolares, em um caso que atraiu a atenção da mídia nacional.

O xerife Kuntz não deu mais detalhes sobre a prisão do menino, já que a investigação ainda está em curso.

"Os cidadãos de Calaveras poderão dormir melhor esta noite", disse o oficial.

Notícias relacionadas

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos