Miss Venezuela 2004 é morta durante assalto

CARACAS, 7 JAN (ANSA) - A atriz e Miss Venezuela 2004 Mónica Spear e seu ex-esposo foram mortos na última segunda-feira quando resistiram a uma tentativa de assalto. O crime comoveu o país, um dos mais violentos da América Latina.   

Spear, de 29 anos, e seu ex-esposo, o irlandês Henry Thomas Berry, de 39 anos, estavam esperando ajuda em uma estrada, após um problema no carro, quando foram atacados, informaram autoridades locais.   

A filha do casal, de cinco anos, ficou ferida durante o assalto, mas passa bem, disseram fontes médicas.   

Spear, que foi eleita Miss Venezuela em 2004, ficou em quinto lugar no Miss Universo de 2005. No ano seguinte, ela estreou como atriz, tendo participado de 7 novelas durante sua carreira.   

Os homicídios na Venezuela quadruplicaram nos últimos 15 anos, apontam cifras da ONG Observatório Venezuelano de Violência.   

Ainda de acordo com a organização, em 2013, 24.763 mortes violentas foram registradas no país. (ANSA)

Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.

Últimas de Notícias

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos