UOL Notícias Notícias
 

25/03/2008 - 20h04

Serra promete iniciar Linha 6 do metrô em sua gestão; obra será entregue em 2012

Thiago Varella
em São Paulo
O governador de São Paulo, José Serra, afirmou nesta terça-feira (25) que a futura linha 6 de Metrô, que poderá ligar a rua do Oratório à Freguesia do Ó, na zona norte da cidade, terá início ainda na sua gestão, que vai até o fim de 2010. O secretário dos Transportes Metropolitanos, José Luiz Portella, prometeu entregar o trecho maior da linha (Freguesia-São Joaquim) em 2012.

Portella divulgou, durante entrevista coletiva na tarde desta terça-feira, as primeiras informações sobre a nova linha. Com 18,3 quilômetros de extensão, a Linha 6 será, inicialmente, dividida em dois trechos. O primeiro deles irá da Freguesia do Ó, na zona norte, até a estação São Joaquim, na região central, em um total de 11 estações. A previsão é que esse trecho tenha 9,5 quilômetros e seja utilizado por 500 mil passageiros diariamente. O investimento vai ser de R$ 2,2 bilhões.

A Prefeitura de São Paulo estuda a ampliação do rodízio municipal de veículos em uma hora pela manhã e uma hora à noite e anunciou um investimento de R$ 75 milhões para uma nova linha de metrô que deverá ligar as zonas norte e leste da cidade. Os anúncios foram feitos na manhã desta terça pelo prefeito Gilberto Kassab (DEM) em debate em rádio.
KASSAB ESTUDA AMPLIAR RODÍZIO DE VEÍCULOS EM SP
LEIA MAIS
FREGUESIA LUTA PELO METRÔ
O segundo trecho, de 2,3 quilômetros, irá da estação Oratório até a Vila Prudente e deve transportar 100 mil passageiros por dia. As obras devem começar em seis meses e durar mais um ano e meio.

Um terceiro trecho, entre a Vila Prudente e o Tatuapé, também está previsto, segundo o secretário.

Ainda não há nenhum estudo feito sobre o trecho intermediário da linha, que ligaria a estação São Joaquim à Vila Prudente. "Na nossa gestão não será feito", afirmou Portella.

A secretaria divulgou os nomes das estações previstas para a Linha 6. São elas: Freguesia do Ó, Santa Marina, Água Branca, Turiassu, PUC, Pacaembu, Angélica, Higienópolis/Mackenzie, Bixiga, Treze de Maio e São Joaquim. A linha vai cruzar a linha A da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) e a linha 4 do metrô, atualmente em construção, na estação Higienópolis/Mackenzie.

A nova linha passará pelos bairros da Freguesia do Ó, Limão, Lapa, Perdizes, Sumaré, Pacaembú e Bela Vista.

Já o ramal Vila Prudente-Oratório deve começar a ser construído em seis meses. O secretário prometeu entregar o trecho em 2010.

Rodízio
O secretário municipal de Transportes, Alexandre de Moraes, disse que o projeto para ampliar o rodízio de veículos na capital em duas horas, uma de manhã e outra à tarde, anunciado hoje pelo prefeito Gilberto Kassab, ainda é "apenas um projeto". A secretaria ainda está analisando o impacto que a medida teria.

"Nossa prioridade é o pedestre e o transporte público. Por último, estão os automóveis", disse, ao explicar que o rodízio ampliado deve aumentar o número de usuários de ônibus.

Também está em estudo, segundo Moraes, a restrição de carga e descarga na região do centro expandido. Outra novidade será a monitoração online dos corredores de ônibus de São Paulo. "Pela Internet, o usuário poderá saber a velocidade dos ônibus nos corredores", afirmou.

O secretário descartou ampliar o rodízio para quatro placas diferentes por dia e negou qualquer estudo sobre uma suposta implantação de pedágio urbano.

Serra
Ampliar o rodízio não vai resolver em nada o trânsito de São Paulo. Essa é a opinião de três especialistas ouvidos pelo UOL. Para Jaime Waisman, professor da USP, o rodízio interfere muito no cotidiano das pessoas. "Os motoristas tendem a comprar mais carros", disse.Horácio Figueira, consultor de trânsito da Abramet (Associação Brasileira de Medicina do Tráfego, concorda com a idéia. "Eu acabaria com o rodízio, até para a sociedade enxergar o tamanho da verdade", afirmou. Dario Raiz Lopes, ex-secretário de Transportes do Estado de SP, acha que o rodízio funcionou no primeiro ano, mas depois não teve mais eficácia. "Hoje, insistir no rodízio é insistir em um instrumento que já está bastante desgastado", falou.
AMPLIAÇÃO DE RODÍZIO
NÃO RESOLVE TRÂNSITO
"Eu quero dar o pontapé inicial nessa linha na minha gestão, porque ela completará o Metrô em São Paulo", disse de manhã o governador Serra. O governador disse que a cooperação financeira da Prefeitura de São Paulo no Metrô, que é de responsabilidade do governo do Estado, está ajudando muito o andamento das obras e possibilitando novos projetos.

Hoje, durante debate sobre trânsito promovido pela Rádio Eldorado, do Grupo Estado, o prefeito da capital, Gilberto Kassab, disse que o município irá investir R$ 75 milhões na linha que ligará o Oratório à Freguesia do Ó.

O governador paulista disse que a prefeitura se ofereceu para pagar o projeto (da nova linha). "Isso porque tem uma etapa preliminar que demora e é custosa, que é justamente fazer o projeto executivo, ou a descrição de toda a obra, que implica estudo do solo, projeto subterrâneo e um conjunto de medidas e custa R$ 75 milhões", destacou Serra. "Essa nova linha é o que está faltando, vai completar a malha em São Paulo, e a região da Freguesia do Ó precisa de Metrô."

Para Serra, essa foi "uma boa notícia", porque ele havia conversado ontem (segunda) com o prefeito Kassab sobre essa possibilidade. "E eu vejo hoje (terça), com grata surpresa, que ele está topando."

Questionado se a eventual parceria entre governo e prefeitura também se estenderia ao plano político nas eleições deste ano, levando em conta o cenário sucessório municipal, com a decisão do ex-governador tucano Geraldo Alckmin de concorrer à Prefeitura e de Gilberto Kassab também postular a reeleição, em candidaturas separadas, Serra foi cauteloso. "Eu não vou falar de sucessão municipal nas (entrevistas) coletivas porque eu acabo não fazendo outra coisa. De vez em quando podemos comentar (sobre o tema), mas no dia-a-dia não."

*Com informações da Agência Estado

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h59

    0,14
    2,480
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h16

    -0,04
    52.411,03
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host