UOL Últimas NotíciasUOL Últimas Notícias
UOL BUSCA


 Internacional

30/07/2006 - 14h18
Lula lamenta Qana e defende cessar-fogo em carta ao Líbano

SãO PAULO (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva enviou neste domingo uma mensagem ao primeiro-ministro do Líbano, Fouad Siniora, lamentando o ataque israelense em Qana e defendendo cessar-fogo imediato no conflito. "Estou profundamente chocado, indignado e consternado com os violentos bombardeios israelenses neste domingo em Qana, no sul do Líbano, que vitimaram a população civil, incluindo dezenas de crianças, mulheres e idosos", declarou Lula, em comunicado divulgado pelo Itamaraty.

Ele ainda reafirmou a oposição do governo brasileiro a "atos de violência indiscriminada e ao uso de força militar contra alvos civis por quem quer que seja."

Lula destacou que o Brasil vai apoiar o apelo do governo libanês para que o Conselho de Segurança das Nações Unidas exija o "cessar-fogo imediato" dos conflitos.

Neste domingo, Israel fez um ataque aéreo no povoado de Qana, no sul do Líbano, matando dezenas de civis, a maioria mulheres e crianças. A ONU condenou os ataques e convocou uma reunião de emergência do Conselho de Segurança para discutir a situação.

(Por Carolina Montenegro)

ÍNDICE DE ÚLTIMAS NOTÍCIAS  IMPRIMIR  ENVIE POR E-MAIL

UOL Mídia Global
Brasil mancha conquistas na energia com atraso na exploração do gás natural
Folha Online Mundo
Ministro de Aviação renuncia após acidente aéreo na Índia
UOL News
Silêncio marca início de três dias de luto oficial na China