UOL Últimas NotíciasUOL Últimas Notícias
UOL BUSCA


 Internacional

24/10/2007 - 15h15
Cuba admite êxodo de professores devido a baixos salários

HAVANA (Reuters) - Cuba reconheceu na quarta-feira que seu sistema público de educação está sendo vítima de um "êxodo" de professores devido aos baixos salários, às más condições de moradia e até por falta de roupa.

O ministro da Educação, Luis Ignácio Gomez, falou sobre a fuga de professores na audiência de uma comissão da Assembléia Nacional.

"Ele reconheceu que entre as causas do êxodo estão o salário insuficiente, em desacordo com a intensidade e a responsabilidade do trabalho dos professores", disse o jornal Granma, do Partido Comunista.

O ministro citou a "falta de moradia, transporte e roupas" entre os problemas enfrentados pelos professores cubanos. Também disse que os professores estão insatisfeitos com o "pequeno reconhecimento" que recebem pelo trabalho.

Cuba costuma se orgulhar de seu sistema de educação gratuito, que, junto com o programa de assistência à saúde, é a principal conquista da ilha depois da revolução liderada por Fidel Castro em 1959.

Mas a crise econômica que afetou Cuba depois do colapso da União Soviética teve seu preço. Muitos professores abandonaram a atividade para trabalhar em empregos mais bem remunerados no setor turístico, e o governo teve de recorrer a professores jovens para suprir o déficit.

ÍNDICE DE ÚLTIMAS NOTÍCIAS  IMPRIMIR  ENVIE POR E-MAIL

Folha Online
Reforma visual da Folha facilita a leitura; conheça as mudanças
UOL Esporte
Após fiasco de público, CBF reduz preços de ingressos para partida
UOL Economia
Bovespa reduz ritmo de perdas
perto do fim dos negócios

UOL Tecnologia
Fãs do iPhone promovem encontro no Brasil; veja mais
UOL Notícias
Chuvas deixam quatro mortos e afetam mais de 4 mil no Paraná
UOL Vestibular
Cotista tem nota parecida com de não-cotista aponta Unifesp
UOL Televisão
Nova novela da Record terá máfia e Gabriel Braga Nunes como protagonista
UOL Música
Radiohead entra em estúdio para trabalhar em disco novo
UOL Diversão & Arte
Escritor indiano Aravind Adiga ganha o Booker Prize
UOL Cinema
Novo filme dos irmãos
Coen tem maior bilheteria nos EUA