Informações sobre o álbums
  • editoria:Geral
  • galeria: Crise na Líbia
  • link: http://noticias.uol.com.br/album/110314libia_album.htm
  • totalImagens: 194
  • fotoInicial: 8
  • imagePath: http://n.i.uol.com.br/ultnot/album/
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20121011101448
    • Líbia [5851];
    • Crise no Mundo Árabe [47282];
Fotos
Forças leais ao coronel líbio Muammar Gaddafi lançaram nesta segunda-feira (14) novos ataques áreas contra as forças rebeldes que ocuparam as cidade de Ajdabiyah e Zuwarah; rebeldes ensinam recrutas voluntários a manusear as armas em Benghazi Finbarr O?Reilly/Reuters Mais
Forças leais ao coronel líbio Muammar Gaddafi lançaram nesta segunda-feira (14) novos ataques áreas contra as forças rebeldes que ocuparam as cidade de Ajdabiyah e Zuwarah; foram lançadas quatro bombas ao oeste de Ajdabiyah, próxima cidade na rota das forças de Gaddafi no caminho para Benghazi, principal reduto da oposição contra o ditador líbio Finbarr O?Reilly/Reuters Mais
Forças leais ao coronel líbio Muammar Gaddafi lançaram nesta segunda-feira (14) novos ataques áreas contra as forças rebeldes que ocuparam as cidade de Ajdabiyah e Zuwarah; bandeiras dos rebeldes foram penduradas junto à da França em um quartel de Benghazi Finbarr O?Reilly/Reuters Mais
Forças leais ao coronel líbio Muammar Gaddafi lançaram nesta segunda-feira (14) novos ataques áreas contra as forças rebeldes que ocuparam as cidade de Ajdabiyah e Zuwarah; foram lançadas quatro bombas ao oeste de Ajdabiyah, próxima cidade na rota das forças de Gaddafi no caminho para Benghazi, principal reduto da oposição contra o ditador líbio Finbarr O?Reilly/Reuters Mais
Forças leais ao coronel líbio Muammar Gaddafi lançaram nesta segunda-feira (14) novos ataques áreas contra as forças rebeldes que ocuparam as cidade de Ajdabiyah e Zuwarah; estudantes tiram fotos durante uma passeata pró-Gaddafi Jerome Delay/AP Mais
Forças leais ao coronel líbio Muammar Gaddafi lançaram nesta segunda-feira (14) novos ataques áreas contra as forças rebeldes que ocuparam as cidade de Ajdabiyah e Zuwarah; uma estudante das dezenas que participam de uma manifestação em apoio a Gaddafi em Trípoli Chris Helgren/Reuters Mais
Forças leais ao coronel líbio Muammar Gaddafi lançaram nesta segunda-feira (14) novos ataques áreas contra as forças rebeldes que ocuparam as cidade de Ajdabiyah e Zuwarah; em Trípoli, estudantes fazem passeata pró-Gaddafi Chris Helgren/Reuters Mais
Forças leais ao coronel líbio Muammar Gaddafi lançaram nesta segunda-feira (14) novos ataques aéreos contra as forças rebeldes que ocuparam as cidade de Ajdabiyah e Zuwarah; em Trípoli, estudantes fazem passeata pró-Gaddafi Ahmed Jadallah/Reuters Mais
Forças leais ao coronel líbio Muammar Gaddafi lançaram nesta segunda-feira (14) novos ataques áreas contra as forças rebeldes que ocuparam as cidade de Ajdabiyah e Zuwarah; em Trípoli, estudantes fazem passeata pró-Gaddafi Asmaa Waguih/Reuters Mais
<b>15.03.2011</b> Tropas que apoiam Muammar Gaddafi avançaram em direção à cidade de Brega, enquanto continuam os bombardeios promovidos pelo regime líbio sobre a vizinha Ajdabiya, a última cidade em poder dos insurgentes antes de Benghazi Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>15.03.2011</b> Tropas que apoiam Muammar Gaddafi avançaram em direção à cidade de Brega, enquanto continuam os bombardeios promovidos pelo regime líbio sobre a vizinha Ajdabiya, a última cidade em poder dos insurgentes antes de Benghazi Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>15.03.2011</b> Tropas que apoiam Muammar Gaddafi avançaram em direção à cidade de Brega, enquanto continuam os bombardeios promovidos pelo regime líbio sobre a vizinha Ajdabiya, a última cidade em poder dos insurgentes antes de Benghazi Goran Tomasevic/Reuters Mais
<strong>15.03.2011 </strong>Homens nascidos em Bangladesh, que trabalhavam na Líbia e fugiram do país após a revolta, aguardam para embarcar para o país asiático em um campo de refugiados em Ras Ajdir, na Tunísia Emilio Morenatti/AP Mais
<strong>15.03.2011 </strong>Refugiado somali que deixou a Líbia após as revoltas contra o governo caminha em campo de refugiados em Ras Jdir, na Tunísia Anis Mili/Reuters Mais
<strong>15.03.2011 </strong>Salah Abu Obah, um agente da Al Qaeda, segundo o governo líbio, fala com a imprensa em Tripoli após ter sido detido. Obah negou participar da organização Ahmed Jadallah/Reuters Mais
<strong>15.03.2011 </strong>Imagem reproduzida nesta terça-feira mostra o líder líbio, Muammar Gaddafi, durante discurso televisionado Libya TV/AFP Mais
<strong>16.03.2011 </strong> Quatro jornalistas do The New York Times estão desaparecidos na Líbia: os fotógrafos Tyler Hicks e Lynsey Addario, o repórter Stephen Farrell, e o vencedor de dois prêmios Pulitzer Anthony Shadid The New York Times/Handout/Reuters Mais
<strong>16.03.2011 </strong>As forças leais ao ditador Muammar Gaddafi bombardearam Benghazi, a segunda mais importante do país e o principal reduto dos rebeldes. Na foto, as forças do governo comemoram tomada de Ajdabiyah, onde quatro jornalistas do The New York Times teriam desaparecido Ahmed Jadallah/Reuters Mais
<strong>16.03.2011 </strong>As forças leais ao ditador Muammar Gaddafi bombardearam Benghazi, a segunda mais importante do país e o principal reduto dos rebeldes. Na foto, as forças do governo comemoram tomada de Ajdabiyah, onde quatro jornalistas do The New York Times teriam desaparecido Ahmed Jadallah/Reuters Mais
<strong>16.03.2011 </strong>As forças leais ao ditador Muammar Gaddafi bombardearam Benghazi, a segunda mais importante do país e o principal reduto dos rebeldes. Na foto, as forças do governo comemoram tomada de Ajdabiyah, onde quatro jornalistas do The New York Times teriam desaparecido Ahmed Jadallah/Reuters Mais
<strong>16.03.2011 </strong>As forças leais ao ditador Muammar Gaddafi bombardearam Benghazi, a segunda mais importante do país e o principal reduto dos rebeldes. Na foto, as forças do governo em Ajdabiyah, onde quatro jornalistas do The New York Times teriam desaparecido Ahmed Jadallah/Reuters Mais
<strong>17.03.2011 </strong>Famílias estão de mudança de Benghazi. No mesmo dia em que o Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas) aprovou resolução que autoriza o uso de força militar para 'defender os civis' da Líbia, a cidade de Benghazi está sendo alvo de explosões e vive clima de tensão após o ditador Muammar Gaddafi anunciar na TV que atacará a região para 'expulsar os traidores de Benghazi' Patrick Baz/AFP Photo Mais
<strong>17.03.2011 </strong>Vendedor ambulante mostra broches que vende aos rebeldes de Benghazi. No mesmo dia em que o Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas) aprovou resolução que autoriza o uso de força militar para 'defender os civis' da Líbia, a cidade de Benghazi está sendo alvo de explosões e vive clima de tensão após o ditador Muammar Gaddafi anunciar na TV que atacará a região para 'expulsar os traidores de Benghazi' Patrick Baz/AFP Photo Mais
<strong>17.03.2011 </strong>Rebeldes preparam armamento para esperar ataques do governo nesta quinta-feira (17) em Benghazi. No mesmo dia em que o Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas) aprovou resolução que autoriza o uso de força militar para 'defender os civis' da Líbia, a cidade de Benghazi está sendo alvo de explosões e vive clima de tensão após o ditador Muammar Gaddafi anunciar na TV que atacará a região para 'expulsar os traidores de Benghazi' Patrick Baz/AFP Photo Mais
<strong>17.03.2011 </strong>Homem separa balas observado pela população em Benghazi nesta quinta-feira (17). No mesmo dia em que o Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas) aprovou resolução que autoriza o uso de força militar para 'defender os civis' da Líbia, a cidade de Benghazi está sendo alvo de explosões e vive clima de tensão após o ditador Muammar Gaddafi anunciar na TV que atacará a região para 'expulsar os traidores de Benghazi' Patrick Baz/AFP Photo Mais
<strong>17.03.2011 </strong>Avião que estaria ocupado por rebeldes caiu no norte de Benghazi nesta quinta-feira (17). Ainda não há informações sobre mortos ou sobre a causa do acidente. No mesmo dia em que o Conselho de Segurança da ONU aprovou resolução que autoriza o uso de força militar para 'defender os civis' da Líbia, a cidade de Benghazi está sendo alvo de explosões e vive clima de tensão após o ditador Muammar Gaddafi anunciar que atacará a região AP Photo Mais
<strong>18.03.2011 </strong>Apoiadores do ditador Muammar Gaddafi invadiram a coletiva de imprensa do vice-ministro líbio das Relações Exteriores, Khaled Kaaim, em um hotel em Trípoli. No mesmo dia em que o Conselho de Segurança da ONU aprovou resolução que autoriza o uso de força militar para 'defender os civis' da Líbia, a cidade de Benghazi está sendo alvo de explosões e vive clima de tensão após o ditador anunciar que atacará a região Jerome Delay/AP Photo Mais
<strong>18.03.2011 </strong>Manifestante a favor de Muammar Gaddafi protesta em Trípoli nesta sexta-feira. O filho de Gaddafi afirma não ter medo de intervenção militar na Líbia Zohra Bensemra/Reuters Mais
<b>18.mar.2011 </b>Duas aeronaves da Força Aérea britânica que serão usadas na operação militar na Líbia são vistas voando sobre a base aérea de Lossiemouth, em Moray, na Escócia AP Mais
<b>18.mar.2011 </b>Avião militar dos EUA é visto na base aérea de Sigonella, no sul da ilha italiana da Sicília AFP Mais
<b>18.mar.2011 </b>Foto de arquivo mostra os quatro jornalistas do "The New York Times", desaparecidos há vários dias perto da cidade de Ajdabiya, que devem ser libertados pelo governo líbio nesta sexta-feira (18) Reuters Mais
<b>18.mar.2011 </b>Mulher líbia dispara arma durante comemoração dos rebeldes na cidade de Benghazi AFP Mais
Rebeldes líbios fazem oração perto da cidade de Benghazi, onde se concentram os grupos insurgentes AP Mais
<b>18.mar.2011 </b>Manifestantes são vistos através de uma bandeira da durante comemorações após resolução da ONU que autoriza operação militar no país Reuters Mais
<b>18.mar.2011 </b>Muammar Gaddafi concede entrevista à TV de Portugal, em Trípoli. O ditador líbio disse nesta sexta-feira (18) que transformará em um inferno a vida de qualquer um que atacar o país, depois que a ONU autorizou ataques aéreos contra as forças do governo. "Se o mundo ficou louco, nós também ficamos. Responderemos. Suas vidas se transformarão num inferno", disse Reuters Mais
<b>18.mar.2011 </b>Pouco antes de vir ao Brasil, o presidente norte-americano Barack Obama declarou, em coletiva na Casa Branca, que o ditador líbio Muammar Gaddafi escolheu um "caminho de brutalidade", intimidação e repressão à população da Líbia e, por isso, os Estados Unidos e seus aliados, com apoio da ONU, adotarão sanções ao governo do ditador Mandel Ngan/AFP Mais
<b>19.mar.2011 </b>Grande explosão é vista na cidade de Benghazi, após um avião utilizado pelas forças do governo de Gaddafi ser derrubado pelos rebeldes Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>19.mar.2011 </b>Avião das forças de Muammar Gaddafi é derrubado pelos rebeldes na cidade de Benghazi, na Líbia Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>19.mar.2011 </b>Avião das forças de Muammar Gaddafi é derrubado pelos rebeldes na cidade de Benghazi, na Líbia Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>19.03.2011</b> - Opositores do regime do ditador líbio Muammar Gaddafi ocupam ruas da cidade de Benghazi, principal reduto rebelde, que foi atacada e bombardeada pelas forças de Gaddafi neste sábado Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>19.03.2011</b> - Opositores do regime do ditador líbio Muammar Gaddafi ocupam ruas da cidade de Benghazi, principal reduto rebelde, que foi atacada e bombardeada pelas forças de Gaddafi neste sábado Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>19.03.2011</b> - Opositores do regime do ditador líbio Muammar Gaddafi ocupam ruas da cidade de Benghazi, principal reduto rebelde, que foi atacada e bombardeada pelas forças de Gaddafi neste sábado Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>19.03.2011</b> - Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>19.03.2011</b> Avião de Caça Rafale em base francesa se prepara para decolar rumo à Líbia, para participar das operações de intervenção no país Sebastien Dupont/Reuters/ECPAD Mais
<b>19.03.2011</b> Comboio de opositores do regime de Muammar Gaddafi em rua de Benghazi Patrick Baz/AFP Mais
<b>19.03.2011</b>Opositores pisam em foto do líder líbio Muammar Gaddafi em Benghazi, hoje, o principal reduto de rebeldes na Líbia Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>19.03.2011</b>Rebeldes líbios comemoram a captura de um tanque das forças do ditador Muammar Gaddafi, em Benghazi Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>19.03.2011</b> Aisha Gaddafi, filha de Muammar Gaddafi, participa de manifestação pró-regime em Bab Al Aziziyah, no sul de Trípoli, capital líbia Reuters/TV líbia Mais
<b>19.03.2011</b> Manifestação pró-Gaddafi em Bab al-Azizia, na região de Trípoli, capital da Líbia Imed Lamloum/AFP Mais
<b>19.03.2011</b> Quartel de comando do ditador Muammar Gaddafi, em Trípoli Imed Lamloum/AFP Mais
<b>19.03.2011</b> Rebelde mostra granadas obtidas com soldados das forças do ditador Muammar Gaddafi, em Benghazi, cidade que foi atacada pelas forças leais do líder líbio neste sábado Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>19.03.2011</b> Manifestante pró-Gaddafi critica na capital Trípoli países que votaram por intervenção militar na Líbia Imed Lamloum/AFP Mais
<b>19.03.2011</b> Manifestantes pró-Gaddafi criticam na capital Trípoli países que votaram por intervenção militar na Líbia e realizaram uma espécie de escudo humano para proteger o ditador Imed Lamloum/AFP Mais
<b>19.03.2011</b> Imagem divulgada pela Marinha dos EUA mostra momento em que um míssil norteamericano é lançado durante operação militar contra a Líbia Divulgação/AP Mais
<b>19.03.2011</b> Aviões do Reino Unido se preparam para partir em direção à Líbia durante intervenção militar no país Gavin Fogg/AFP Mais
<b>19.03.2011</b> Imagem divulgada pela Marinha dos EUA mostra momento em que um míssil norteamericano é lançado durante operação militar contra a Líbia Divulgação/AP Mais
<b>19.03.2011</b> Aviões franceses se preparam para aterrissar em base militar durante a intervenção militar na Líbia Stephan Agostini/AFP Mais
<b>19.03.2011</b> Apoiadores do ditador líbio Muammar Gaddafi gritam palavras de ordem enquanto soldados montam guarda em Trípoli, neste sábado (19). Milhares de líbios formaram um escudo humano contra o ataque das forças aliadas, compostas por EUA, Reino Unido, Itália, Canadá e França Reuters Mais
<b>19.03.2011</b> O céu em Trípoli, na Líbia, foi iluminado nas primeiras horas deste domingo (noite de sábado, no Brasil) após fortes explosões dos bombardeios de artilharia antiaérea comandados pelo ditador líbio Muammar Gaddafi. A ação é uma resposta aos ataques de países da coalizão AP Mais
<b>20.03.2011</b> Veículos de Gaddafi atingidos por ataque aéreo da força internacional, perto de Benghazi Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>20.03.2011</b> Veículos de Gaddafi atingidos por ataque aéreo da força internacional, perto de Benghazi Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>20.03.2011</b> Veículos de Gaddafi atingidos por ataque aéreo da força internacional, perto de Benghazi Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>20.03.2011</b> Opositor em local atingido por ataque aéreo francês Finbarr O'Reilly/Reuters Mais
<b>20.03.2011</b> Tanque de Gaddafi atingido por ataque aéreo da força internacional, perto de Benghazi Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>20.03.2011</b> Veículos de Gaddafi atingidos por ataque aéreo da força internacional, perto de Benghazi Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>20.03.2011</b> Rebelde observa veículos de Gaddafi atingidos por ataque aéreo da força internacional, perto de Benghazi Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>20.03.2011</b> Veículos de Gaddafi atingidos por ataque aéreo da força internacional, perto de Benghazi Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>20.03.2011</b> Adolescente das forças de Gaddafi morto em bombardeio francês Patrick Baz/AFP Mais
<b>20.03.2011</b> Rebelde líbio agita bandeira em meio a veículos militares das forças de Gaddafi atingidos por aviões franceses Patrick Baz/AFP Mais
<b>20.03.2011</b> Ônibus queimado em estrada próxima a Benghazi, depois de ser atingido por forças internacionais Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>20.03.2011</b>Opositores do ditador Muammar Gaddafi comemoram a destruição de tanques das forças leais ao líder líbio, devido aos ataques internacionais, em Benghazi AP Mais
<b>20.03.2011</b>Opositores do ditador Muammar Gaddafi comemoram a destruição de tanques das forças leais ao líder líbio, devido aos ataques internacionais, em Benghazi AP Mais
<b>20.03.2011</b>Destroços dos tanques das forças do ditador líbio Muammar Gaddafi são vistos em Benghazi, cidade atacada pelas forças internacionais Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>20.03.2011</b> Homens líbios participam de um ato convocado pelo regime de Gaddafi durante funeral no cemitério Shati al-Hinshir, em Trípoli, para a realização de uma cerimônia pelas vítimas que, segundo o governo, foram mortas pelas forças de coalizão Mahmud Turkia/AFP Mais
<b>20.03.2011</b>Mulher armada e partidária do regime de Muammar Gaddafi participa de ato convocado pelo governo líbio, em Trípoli Mahmud Turkia/AFP Mais
<b>20.03.2011</b>Partidários do regime de Muammar Gaddafi participam de ato convocado pelo governo líbio, em Trípoli Mahmud Turkia/AFP Mais
<b>20.03.2011</b>Partidários do regime de Muammar Gaddafi participam de marcha convocada pelo governo, em Trípoli Zohra Bensemra/Reuters Mais
<b>20.03.2011</b> Céu em Trípoli é iluminado pelos mísseis da artilharia antiaérea líbia em resposta a ataques da coalizão, neste domingo (20). A Liga Árabe condenou a intervenção ocidental e o "bombardeio de alvos civis" Reuters Mais
<b>20.03.2011</b> Vista do prédio que integrava complexo residencial do ditador líbio Muammar Gaddafi. O local foi destruído neste domingo após ataque de míssil de países da coalizão Reuters Mais
<b>21.mar.2011 </b>Soldados líbios observam prédio residencial de Gaddafi que foi destruído por míssil Zohra Bensemra/Reuters Mais
<b>21.mar.2011 </b> Líbios oram durante velório de duas vítimas dos últimos confrontos na Líbia Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>21.mar.2011 </b> Líbios oram durante velório de duas vítimas dos últimos confrontos na Líbia Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>21.mar.2011 </b> Opositores de Gaddafi durante confrontos com das tropas do ditador líbio, em Ajdabiya Patrick Baz/AFP Mais
<b>21.mar.2011 </b> Rebeldes líbios carregam um dos feridos durante os confrontos entre opositores e as forças do ditador líbio Muammar Gaddafi Patrick Baz/AFP Mais
<b>21.mar.2011 </b> Rebelde em rua de Benghazi Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>21.mar.2011 </b> Opositores de Gaddafi durante confrontos com das tropas do ditador líbio, em Ajdabiya Patrick Baz/AFP Mais
<b>21.mar.2011 </b>Crianças em escola em Trípoli, capital da Líbia, exibem fotos do líder Muammar Gaddafi e faixa de apoio ao governo onde se lê: "Apenas Deus, Muammar e Líbia" Mahmud Turkia/AFP Mais
<b>21.mar.2011 </b> Foto divulgada pelo Ministério de Relações Exteriores da Turquia, mostra os jornalistas Stephen Farrell, Tyler Hicks, Lynsey Addario e Anthony Shadid, ao lado do embaixador turco na Líbia, Levent Sahinkaya (no centro), na embaixada em Trípoli. Os quatro jornalistas do "The News York Times" foram libertados nesta segunda na Líbia AFP/Embaixada da Turquia Mais
<b>21.mar.2011 </b> Rebeldes líbios sobrem em tanques apos conflito entre rebeldes e tropas pró-Gaddafi nos arredores de Benghazi, na Libia. O local virou ponto turístico dos moradores da cidade que vão até lá para ver carros e tanques destruídos durante os confrontos Apu Gomes/Folhapress Mais
<b>21.mar.2011 </b> Apoiador do regime de Muammar Gaddafi participa de ato pró-governo na Praça Verde, em Trípoli Zohra Bensemra/Reuters Mais
<b>21.mar.2011 </b> Rebelde líbio reza em estrada entre as cidades de Benghazi e Ajdabiya, na Líbia, durante confrontos entre opositores do governo de Gaddafi e as tropas de segurança Apu Gomes/Folhapress Mais
<b>21.mar.2011 </b> Rebelde ferido na perna é socorrido por companheiros durante tentativa dos opositores de tomarem a cidade de Ajdabiya Apu Gomes/Folhapress Mais
<b>21.mar.2011 </b> Apoiadora de Gaddafi em ato pró-governo na Praça Verde, em Trípoli Zohra Bensemra/Reuters Mais
<b>21.mar.2011 </b> Crianças seguram armas de brinquedo durante manifestações dos simpatizantes de Gaddafi Zohra Bensemra/Reuters Mais
<b>21.mar.2011 </b> Apoiador de Gaddafi em ato pró-governo na Praça Verde, em Trípoli Zohra Bensemra/Reuters Mais
<b>22.mar.2011 </b>Forças leais ao ditador Muammar Gaddafi disparam artilharia anti-aérea em Trípoli Zohra Bensemra/Reuters Mais
<b>22.mar.2011</b> - Destroços do F-15E Strike Eagle, avião de guerra dos EUA que caiu na noite desta segunda-feira na Líbia, na primeira baixa das forças da coalizão internacional. Os dois pilotos a bordo conseguiram se ejetar e estão bem, segundo o Comando Americano na África Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>22.mar.2011</b> - Destroços do F-15E Strike Eagle, avião de guerra dos EUA que caiu na noite desta segunda-feira na Líbia, na primeira baixa das forças da coalizão internacional. Os dois pilotos a bordo conseguiram se ejetar e estão bem, segundo o Comando Americano na África Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>22.mar.2011</b> - Destroços do F-15E Strike Eagle, avião de guerra dos EUA que caiu na noite desta segunda-feira na Líbia, na primeira baixa das forças da coalizão internacional. Os dois pilotos a bordo conseguiram se ejetar e estão bem, segundo o Comando Americano na África Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>22.mar.2011</b> - Destroços do F-15E Strike Eagle, avião de guerra dos EUA que caiu na noite desta segunda-feira na Líbia, na primeira baixa das forças da coalizão internacional. Os dois pilotos a bordo conseguiram se ejetar e estão bem, segundo o Comando Americano na África Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>22.mar.2011</b> - Destroços do F-15E Strike Eagle, avião de guerra dos EUA que caiu na noite desta segunda-feira na Líbia, na primeira baixa das forças da coalizão internacional. Os dois pilotos a bordo conseguiram se ejetar e estão bem, segundo o Comando Americano na África Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>22.mar.2011</b> - Rebeldes oram em estrada de Ajdabiya, no leste da Líbia Finbarr O'Reilly/Reuters Mais
<b>22.mar.2011</b> - Rebeldes oram em estrada de Ajdabiya, no leste da Líbia Finbarr O'Reilly/Reuters Mais
<b>22.mar.2011</b> - Destroços do F-15E Strike Eagle, avião de guerra dos EUA que caiu na noite desta segunda-feira na Líbia, na primeira baixa das forças da coalizão internacional. Os dois pilotos a bordo conseguiram se ejetar e estão bem, segundo o Comando Americano na África Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>22.mar.2011</b> - Rebeldes carregam munição em estrada de Ajdabiya, no leste da Líbia Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>22.mar.2011</b> - Rebeldes osbservam a posição das tropas do ditador, Patrick Baz/AFP Mais
<b>22.mar.2011</b> - Jornalistas internacionais que estão cobrindo os conflitos no país africano observam a armazém destruído por bombardeios durante a noite, em Trípoli Moises Saman/The New York Times Mais
<b>22.mar.2011</b> - Sobrevivente caminha por armazém destruído pelos bombardeiros em Trípoli, capital da Líbia Moises Saman/The New York Times Mais
<b>22.mar.2011</b> - Mais um sobrevivente caminha por armazém destruído pelos bombardeiros em Trípoli, capital da Líbia Moises Saman/The New York Times Mais
<b>22.mar.2011</b> - Apoiadores do regime fazem manifestação pró-Gaddafi em armazém destruído pelos bombardeiros em Trípoli, capital da Líbia Moises Saman/The New York Times Mais
<b>22.mar.2011</b> - Sobrevivente caminha por armazém destruído pelos bombardeiros em Trípoli, capital da Líbia Moises Saman/The New York Times Mais
<b>22.mar.2011</b> - Apoiadores de Gaddafi fazem sinal da vitória e carregam retrato do líder líbio dentro de um armazém destruído pelos bombardeios aéreos, em Trípoli Moises Saman/The New York Times Mais
O ditador líbio Muammar Gaddafi fez uma breve aparição pública, nesta terça-feira. Em um discurso feito em sua residência, na capital Trípoli, o líder líbio disse à população que continue lutando. "Nós seremos vitoriosos no final", afirmou. Libyan State TV/AP Mais
<b>23.mar.2011 </b>Quatro rebeldes são enterrados no cemitério de Hawari, em Benghazi, reduto dos opositores do ditador líbio Muammar Gaddafi Apu Gomes/Folhapress Mais
<b>23.mar.2011 </b>Os jornalistas da AFP, Roberto Schmidt e Dave Clark, e o fotógrafo da Getty, Joe Raedle, falam com jornalistas depois de serem libertados, em Trípoli. Eles estavam desaparecidos desde o final de semana, quando foram presos pelas forças de Gaddafi Imed LamloumAFP Mais
<b>23.mar.2011 </b>Rebeldes líbios carregam balas em atirador, em Ajdabiya Aris Messinis/AFP Mais
<b>23.mar.2011 </b> Rebeldes líbios vigiam os arredores de área na estrada entre Ajdabiya e Benghazi Khaled Elfiqi/EPA Mais
<b>23.mar.2011 </b>Família tenta fugir de região atingida pelas tropas de Gaddafi, em Ajdabiya Khaled Elfiqi/EPA Mais
<b>23.mar.2011 </b>Rebeldes líbios fazem sinal de vitória, na estrada entre Ajdabiya e Benghazi Khaled Elfiqi/EPA Mais
<b>23.mar.2011 </b>Pessoas observam carro e tanque das forças leais a Gaddafi destruídos pelas forças de coalizão, na estrada entre Ajdabiya e Benghazi Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>23.mar.2011 </b> Rebeldes líbios fazem manifestação para demonstrar apoio às forças da coalizão internacional, em Benghazi Patrick Baz/AFP Mais
<b>23.mar.2011 </b> Rebeldes líbios fazem manifestação para demonstrar apoio às forças da coalizão internacional, em Benghazi Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>23.mar.2011 </b> Rebeldes líbios fazem manifestação para demonstrar apoio às forças da coalizão internacional, em Benghazi Patrick Baz/AFP Mais
<b>23.mar.2011 </b> Rebeldes líbios fazem manifestação para demonstrar apoio às forças da coalizão internacional, em Benghazi Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>23.mar.2011 </b> Rebeldes líbios fazem manifestação para demonstrar apoio às forças da coalizão internacional, em Benghazi Patrick Baz/AFP Mais
<b>24.mar.2011 </b>Necrotério de um hospital em Trípoli. Autoridades líbias levaram jornalistas aos hospitais da capital da Líbia e afirmaram que os corpos eram todos de civis, mortos pelos ataques aéreos da força de coalizão internacional Zohra Bensemra/Reuters Mais
<b>24.mar.2011 </b>Rebeldes líbios fazem guarda em um ponto da estrada que liga Ajdabiya a Benghazi Khaled Eliqi/EFE Mais
<b>24.mar.2011 </b>Rebeldes líbios fazem guarde em um ponto da estrada que liga Ajdabiya a Benghazi Khaled Eliqi/EFE Mais
<b>24.mar.2011 </b> Rebeldes líbios fazem guarda em um ponto da estrada que liga Ajdabiya a Benghazi Khaled Eliqi/EFE Mais
<b>24.mar.2011 </b> Rebelde líbio descansa em posto de frente de batalha próximo a Zwitina, ao sul de Benghazi, leste da Líbia Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>24.mar.2011 </b> Rebelde líbio carrega explosivos em posto de frente de batalha próximo a Zwitina, ao sul de Benghazi, leste da Líbia Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>24.mar.2011 </b> Rebelde descansa em rodovia que liga Benghazi e Ajdabiyah. Aviões de guerra atingiram tanques líbios na quinta noite de ataques, mas não impediram que as forças de Gaddafi bombardeassem as cidades no oeste Tomasevic Goran/Reuters Mais
<b>24.mar.2011 </b> Rebeldes líbios pegam cigarros distribuídos em posto de frente de batalha próximo a Zwitina, ao sul de Benghazi, leste da Líbia Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>24.mar.2011 </b> Rebelde descansa em rodovia que liga Benghazi e Ajdabiyah. Aviões de guerra atingiram tanques líbios na quinta noite de ataques, mas não impediram que as forças de Gaddafi bombardeassem as cidades no oeste Tomasevic Goran/Reuters Mais
<b>24.mar.2011 </b> Rebelde vigia mercenários suspeitos de fazer parte das forças de Gaddafi, em prisão de Benghazi Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>24.mar.2011 </b> Mercenários suspeitos de fazer parte das forças de Gaddafi, sentados em prisão de Benghazi Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>24.mar.2011 </b> Rebelde vigia mercenários suspeitos de fazer parte das forças de Gaddafi, em prisão de Benghazi Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>24.mar.2011</b> Cidadão líbio coloca uma flor em enterro das pessoas que morreram após ataques aéreos realizados pelas forças da coalizão, no cemitério dos mártires em Trípoli, capital da Líbia Ahmed Jadallah/Reuters Mais
<b>24.mar.2011</b> Rebelde líbio descansa a poucos quilômetros da Estrada para a cidade de Ajdabiya, leste da Líbia Aris Messinis/AFP Mais
<b>24.mar.2011</b> Rebeldes líbios se protegem de tanque das forças do Gaddafi, em frente próxima à cidade de Ajdabiya, leste da Líbia Aris Messinis/AFP Mais
<b>24.mar.2011</b> Homens participam de funeral em massa de pessoas mortas nos bombardeios da coalizão, em Trípoli, na Líbia Jerome Delay/AP Mais
<b>24.mar.2011</b> Mulher líbia chora ao deixar Trípoli e ir para Benghazi Zetouny/Reuters Mais
<b>24.mar.2011</b> Rebeldes líbios descansam em posto da linha de frente próximo à cidade de Ajdabiya, sul de Benghazi, leste da Líbia Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>24.mar.2011</b> Rebeldes líbios rezam em rodovia que leva à cidade de Ajdabiya Aris Messinis/AFP Mais
<b>24.mar.2011</b> Rebelde líbio se prepara para batalha contra as forças do governo, a poucos quilômetros da cidade de Ajdabiya Aris Messinis/AFP Mais
<b>24.mar.2011</b> Homens participam de funeral em massa de pessoas mortas nos bombardeios da coalizão, em Trípoli, na Líbia Jerome Delay/AP Mais
<b>24.mar.2011</b> Homens participam de funeral em massa de pessoas mortas nos bombardeios da coalizão, em Trípoli, na Líbia Jerome Delay/AP Mais
<b>24.mar.2011</b> Líbios assistem a funeral de pessoas que morrram após ataques aéreos realizado pelas forças da coalizão, no cemitério dos mártires, em Trípoli, capital da Líbia Ahmed Jadallah/Reuters Mais
<b>24.mar.2011</b> Líbios assistem a funeral de pessoas que morrram após ataques aéreos realizado pelas forças da coalizão, no cemitério dos mártires, em Trípoli, capital da Líbia Ahmed Jadallah/Reuters Mais
<b>24.mar.2011</b> Líbios assistem a funeral de pessoas que morrram após ataques aéreos realizado pelas forças da coalizão, no cemitério dos mártires, em Trípoli, capital da Líbia Ismail Zetouny/Reuters Mais
<b>24.mar.2011</b> Homem segura cartaz onde está escrito: Obrigado Sarkozy, referindo-se ao president francês, em rua de Benghazi Patrick Baz/AFP Mais
<b>24.mar.2011</b> Líbios assistem a funeral de pessoas que morrram após ataques aéreos realizado pelas forças da coalizão, no cemitério dos mártires, em Trípoli, capital da Líbia Ahmed Jadallah/Reuters Mais
<b>25.mar.2011</b> Manifestante queima exemplar do Livro Verde em frente à bandeira da Líbia durante ato contra o governo de Gaddafi, em Benghazi. O Livro verde é um sobre a filosofia política de Gaddafi Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>25.mar.2011</b> Cobertor cobre corpo de mulher em necrotério de Trípoli. Segundo autoridades líbias, as vítimas foram mortas pelas forças ocidentais Jerome Delay/AP Mais
<b>25.mar.2011</b> Corpos de vítimas mortas, segundo autoridades líbias, pelas forças ocidentais, em Trípoli Zohra Bensemra/Reuters Mais
<b>25.mar.2011</b> Rebelde tenta detector aviões da coalizão em estrada que liga as cidades de Benghazi e Ajdabiyah Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>25.mar.2011</b> Rebelde tenta detector aviões da coalizão em Estrada que liga as cidades de Benghazi e Ajdabiyah Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>25.mar.2011</b> Combatentes rebeldes se protegem durante bombardeio na estrada que liga as cidades de Benghazi e Ajdabiyah Goran Tomasevic/Reuters Mais
<b>25.mar.2011</b> Nesta imagem, tirada de um ônibus, é possível ver a fumaça de uma base militar líbia nos arredores da cidade de Tajura, a 30 quilômetros de Trípoli Jerome Delay/AP Mais
<b>25.mar.2011</b> Mulher líbia cobre rosto com bandeira francesa, durante as orações do meio-dia, na cidade de Benghazi Patrick Baz/AFP Mais
<b>25.mar.2011</b> Rebeldes líbios passam por caricature de Gaddafi pintada em muro na cidade de Benghazi Patrick Baz/AFP Mais
<b>25.mar.2011</b> Rebeldes líbios se protegem dos ataques de tanques das forças de Gaddafi, próximo á cidade de Ajdabiya Aris Messinis/AFP Mais
<b>25.mar.2011</b> Rebeldes líbios se protegem dos ataques de tanques das forças de Gaddafi, próximo á cidade de Ajdabiya Aris Messinis/AFP Mais
<b>25.mar.2011</b> Homem armado entre homens líbios que atendem às orações de sexta-feira, na praça principal da cidade de Benghazi Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>25.mar.2011</b> Mulher líbia atende às preces do meio-dia em Benghazi Patrick Baz/AFP Mais
<b>25.mar.2011</b> Mulher líbia atende às preces do meio-dia em Benghazi Patrick Baz/AFP Mais
<b>25.mar.2011</b> Homens líbios participam das preces do meio-dia, na praça principal da cidade de Benghazi, ao leste do país Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>25.mar.2011</b> Homem tira fotos dos protestantes durante as preces de sexta-feira, em Benghazi Suhaib Salem/Reuters Mais
<b>25.mar.2011</b> Homens líbios atendem às orações de sexta-feira na praça principal da cidade de Benghazi, ao leste da Líbia Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>25.mar.2011</b> Rebelde líbio faz a guarda durante as orações de sexta-feira, na praça principal da cidade de Benghazi, ao leste da Líbia Patrick Baz/AFP Mais
<b>25.mar.2011</b> Pixação em muro de quartel general dos rebeldes, em Benghazi, mostra caricature de Gaddafi Finbarr O'Reilly/Reuters Mais
<b>25.mar.2011</b> Líbios participam de comício à frente das orações de sexta-feira, na cidade de Benghazi, ao leste da Líbia Finbarr O'Reilly/Reuters Mais
<b>25.mar.2011</b> Líbio segura a bandeira do país próximo à cidade de Ajdabiya, que tem sido cenário de conflitos a mais de uma semana Aris Messinis/AFP Mais
<b>25.mar.2011</b> Rebelde líbio é tratado em centro médico próximo à cidade de Ajdabiya, que tem sido cenário de conflitos a mais de uma semana Aris Messinis/AFP Mais
<b>25.mar.2011</b> Rebeldes líbios atiram com seus rifles, comemorando a resistência, próximo à cidade de Ajdabiya, que tem sido cenário de conflitos a mais de uma semana Aris Messinis/AFP Mais
<b>25.mar.2011</b> Rebelde líbio posa com suas armas, próximo à cidade de Ajdabiya, que tem sido cenário de conflitos a mais de uma semana Aris Messinis/AFP Mais
<b>26.mar.2011</b> Rebelde líbio exibe munição utilizada contra as forças de Muammar Gaddafi nas cercanias de Ajdabiyah, cidade estratégica que foi retomada pela oposição Finbarr O'Reilly/Reuters Mais
<b>26.mar.2011</b> Homem observa corpo de partidário de Muammar Gaddafi morto em combate na região estratégica entre Ajdabiya e Brega, agora novamente nas mãos dos rebeldes líbios Khaled ElFiqi/EFE Mais
<b>26.mar.2011</b> Rebelde líbio exibe armamento utilizada contra as forças de Muammar Gaddafi nas cercanias de Ajdabiyah, cidade estratégica que foi retomada pela oposição Finbarr O'Reilly/Reuters Mais
<b>26.mar.2011</b> Homem observa cenário de guerra na região de Ajdabiyah, cidade estratégica que foi retomada pelos rebeldes Andrew Winning/Reuters Mais
<b>26.mar.2011</b> Rebelde observa tanque destruído na região de Ajdabiyah, cidade estratégica que foi retomada pela oposição com a ajuda da coalização internacional Andrew Winning/Reuters Mais
<b>26.mar.2011</b> Rebeldes líbios comemoram ocupada de território em Ajdabiyah, cidade estratégica que estava na mãos do líder Muammar Gaddafi Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>26.mar.2011</b> Homens fazem oração após rebeldes tomarem a cidade de Ajdabiyah, na Líbia, com a ajuda da coalizão Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>26.mar.2011</b> Rebeldes líbios coletam corpos de soldados pró-Gaddafi após tomada de território em Ajdabiyah, na Líbia, com a ajuda da coalizão Patrick Baz/AFP Mais
<b>26.mar.2011</b> Pessoas celebram derrota de Muammar Gaddafi em Ajdabiyah, cidade estratégica da Líbia, para os rebeldes Finbarr O'Reilly/Reuters Mais
<b>26/mar/2011</b> Moradores de Ajdabiya tentam receber alimentos distribuídos por helicóptero Khaled Elfiqi/EFE Mais
<b>27.mar.2011</b> Rebelde líbio caminha por cenário de destruição na cidade de Brega, cujo controle foi retomado pela oposição na Líbia Finbarr O'Reilly/Reuters Mais
<b>27.mar.2011</b> Destroços de veículo militar do governo de Muammar Gaddafi são vistos em Ras Lanuf neste domingo (27); rebeldes dizem ter retomado controle de Ras Lanuf e Brega Khaled Elfiqi/EFE Mais
<b>27.mar.2011</b> Rebelde exibe armamento na cidade de Ras Lanuf, na Líbia, que voltou ao controle da oposição neste domingo Khaled Elfiqi/EFE Mais
<b>27.mar.2011</b> Rebeldes líbios comemoram retomada do poder na cidade de Ras Lanuf, antes sob controle do ditador Muammar Gaddafi Khaled Elfiqi/EFE Mais
<b>27.mar.2011</b>Rebelde descansa na linha de batalha, entre Bin Jawaad e Sirte, depois que as forças leais ao Muammar Gaddafi fugiram para o oeste após os ataques aéreos da coalizão no leste da Líbia Patrick Baz/AFP Mais
<b>27.mar.2011</b>Rebelde descansa na linha de batalha, entre Bin Jawaad e Sirte, depois que as forças leais ao Muammar Gaddafi fugiram para o oeste após os ataques aéreos da coalizão no leste da Líbia Finbarr O'Reilly/Reuters Mais
<b>27.mar.2011</b>Homens líbios se reúnem ao redor de túmulo, em estrada na cidade de Brega Anja Niedringhaus/AP Mais
<b>27.mar.2011</b>Imigrantes no norte da África, vindos da Líbia, chegam ao porto da cidade de Porto Empedocle, no sul da Sicília, na Itália; este foi o primeiro grupo de imigrantes a chegar à Europa desde o começo dos ataques contra o ditador Muammar Gaddafi Marcello Paternostro/AFP Mais

Crise na Líbia

Mais álbuns de UOL Notícias x

Veja mais:

Últimos álbuns de Notícias

UOL Cursos Online

Todos os cursos