Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.uol.com.br/album/2016/08/31/impeachment-de-dilma-e-destaque-na-imprensa-internacional.htm
  • totalImagens: 20
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20160831140029
    • Crise no governo Dilma [60855];
Fotos

31.ago.2016 - O periódico americano "The Wall Street Journal" noticiou o impeachment de Dilma Rousseff. O jornal destacou que Dilma foi guerrilheira de esquerda durante a ditadura, mas que deixa a presidência em meio a uma economia conturbada Reprodução Mais

31.ago.2016 - O jornal britânico "The Guardian" destacou o impeachment de Dilma Rousseff e a confirmação de Michel Temer como novo presidente do Brasil Reprodução Mais

31.ago.2016 - O jornal americano "The New York Times" destacou a saída da "primeira mulher presidente do Brasil" após a votação do Senado que cassou o mandato de Dilma Rousseff Reprodução Mais

31.ago.2016 - O jornal francês "Le Figaro" informou o resultado da votação que cassou o mandato de Dilma Rousseff. O periódico destacou que Michel Temer, que estava exercendo as funções de chefe de Estado desde a suspensão de Dilma Rousseff em maio, vai terminar o seu mandato que vai até 2018 Reprodução Mais

31.ago.2016 - O canal notícias norte-americano CNN noticiou como "expulsão" o impeachment de Dilma Rousseff. Em seu site, o canal destacou que Dilma foi reeleita por uma margem estreita em 2014, mas que a recessão e escândalos de corrupção acabaram levando à saída da Presidência Reprodução Mais

31.ago.2016 - O jornal "Clarín", da Argentina, exibiu a votação do impeachment de Dilma Rousseff ao vivo, em português, e destacou o fim da "era do PT", que governou o país por 13 anos Reprodução Mais

31.ago.2016 - A sessão do Senado que aprovou o impeachment de Dilma Rousseff foi um dos principais destaques do jornal "The Washington Post", dos Estados Unidos. O jornal chamou de "esmagadora" a derrota de Dilma e destacou que o processo dividiu o país Reprodução Mais

31.ago.2016 - O impeachment de Dilma Rousseff foi destaque no jornal espanhol "El País". O períodico ressaltou que o processo termina com o mandato da primeira mulher presidente do Brasil e coloca fim aos 13 anos de governo do PT Reprodução Mais

"Senado destitui Dilma da Presidência", diz a manchete do site do jornal El Universal, da Venezuela Reprodução Mais

O site da Al Jazeera em árabe manchetou o afastamento de Dilma Reprodução Mais

O impeachment de Dilma em destaque no site do jornal britânico "Financial Times" Reprodução Mais

A notícia do impeachment de Dilma em destaque no site MSNBC Reprodução Mais

A manchete do site do jornal "La Nacion", da Argentina Reprodução Mais

A home-page do UOL Reprodução Mais

O site da Folha Reprodução Mais

"Derrota de Rousseff, chance de Lula", diz a manchete do site do jornal alemão "Süddeutsche Zeitung" Reprodução Mais

"Presidente oficialmente deposta", diz o site Bild, da Alemanha Reprodução Mais

"Presidente do Brasi é deposta", diz o site da Deutsche Welle, da Alemanha Reprodução Mais

"Presidente do Brasil é removida do cargo", diz a manchete do site da BBC Reprodução Mais

"O governo de Cuba rechaça energicamente o golpe de Estado parlamentar-judicial que foi consumado contra a presidente Dilma Rousseff", destaca no alto de sua página principal o site do Granma, publicação oficial do governo cubano. Reprodução Mais

Impeachment de Dilma é destaque na imprensa internacional

Últimos álbuns de Notícias

UOL Cursos Online

Todos os cursos