UOL Notícias Notícias
 

20/12/2005 - 06h55

Morales diz que se unirá à luta antiimperialista de Fidel

da BBC, em Londres
O presidente eleito da Bolívia, Evo Morales, disse que agora tem a oportunidade de se unir ao que chamou de "luta antiimperialista" do presidente de Cuba, Fidel Castro.
Também falando nesta segunda-feira, Morales, um índio aymara que prometeu legalizar o cultivo de coca, disse que o governo dos Estados Unidos utilizou o narcotráfico como um pretexto para instalar bases militares na região.

A secretária de Estado americana, Condoleezza Rice, afirmou que o futuro das relações do país com a Bolívia vai depender do comportamento de Morales ao assumir a Presidência.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    10h20

    -0,41
    3,270
    Outras moedas
  • Bovespa

    10h22

    0,44
    63.507,76
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host