UOL Notícias Notícias
 

06/01/2006 - 04h30

Médico de Sharon diz não esperar mudança 'tremenda'

da BBC, em Londres
Os médicos responsáveis pelo tratamento do primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, disseram nesta sexta-feira que não esperam grandes mudanças no seu estado de saúde.
"Este estágio requer muita paciência. Nós não esperamos uma reviravolta tremenda", disse o diretor do hospital Hadassah, onde Sharon está internado, Shlomo Mor-Yosef.

Sharon, que sofreu um derrame na noite de quarta-feira, está sendo mantido na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), depois de passar por cirurgias de sete horas para estancar a hemorragia em seu cérebro.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    -0,94
    3,108
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,51
    63.853,77
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host