UOL Notícias Notícias
 

07/02/2006 - 20h09

Corte alemã liberta marroquino condenado por 11/9

da BBC, em Londres
Um estudante marroquino condenado na Alemanha por ligação com uma célula terrorista que incluía três dos seqüestradores suicidas dos atentados de 11 de setembro de 2001 aos Estados Unidos foi libertado nesta terça-feira pela Justiça alemã.
Mounir al-Motassadek, de 31 anos, havia sido condenado em agosto por um tribunal em Hamburgo a sete anos de prisão.

Mas a Tribunal Constitucional Federal da Alemanha disse que os jurados no julgamento estavam errados em ordenar que Motassadek ficasse em custódia porque apelações tanto de sua defesa quanto da promotoria ainda estão pendentes.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,11
    3,339
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,30
    61.087,14
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host