UOL Notícias Notícias
 

21/02/2006 - 19h16

Morre ex-banqueiro de escândalo no Banco do Vaticano

da BBC, em Londres
A Igreja Católica em Phoenix, no Arizona, anunciou nesta terça-feira a morte do arcebispo Paul Marcinkus, que chefiou o Banco do Vaticano durante um dos maiores escândalos financeiros a atingir o sistema bancário italiano.
Marcinkus tinha 84 anos. Ele foi indiciado na Itália em 1987 em conexão com o colapso do Banco Ambrosiano, mas nunca foi levado a julgamento, por causa de sua posição no Vaticano.

Ele teria ajudado a canalizar milhões de dólares do Banco Ambrosiano para o movimento Solidariedade na Polônia, contribuindo para as perdas que levaram o banco à falência.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    -0,70
    3,117
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,37
    65.528,29
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host