UOL Notícias Notícias
 

30/05/2006 - 16h54

Mortes em Haditha são 'injustificáveis' , diz premiê iraquiano

da BBC, em Londres
O primeiro-ministro do Iraque, Nouri Al Maliki, criticou a operação americana que resultou na morte de mais de 20 civis iraquianos na cidade de Haditha em novembro, dizendo que a morte de civis inocentes é "injustificável".
Em uma entrevista exclusiva à BBC, Maliki disse que os civis foram "vítimas de uma operação equivocada". "Não é justificável que uma família seja morta porque alguém está lutando contra terroristas", disse ele.

O Pentágono deve concluir nesta semana uma investigação sobre as mortes, que, inicialmente, foram atribuídas a uma ação de insurgentes. No entanto, segundo testemunhas, os civis iraquianos, entre eles mulheres e crianças, teriam sido mortos por fuzileiros navais americanos a sangue frio, nas casas deles.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,44
    3,190
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h21

    0,14
    76.390,52
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host