UOL Notícias Notícias
 

11/06/2006 - 21h53

General dos EUA nega espancamento de Zarqawi

da BBC, em Londres
Um general americano no Iraque negou categoricamente a veracidade de relatos de testemunhas que sugerem que soldados dos Estados Unidos maltrataram o militante Abu Musab al-Zarqawi antes de sua morte, na quarta-feira.
Em entrevista na televisão americana neste domingo, o general George Casey qualificou as alegações como absurdas, dizendo que os soldados deram ao líder da rede extremista Al-Qaeda no Iraque assistência médica quando ele morreu.

Um homem iraquiano que disse estar no local depois do ataque aéreo americano a um esconderijo de al-Zarqawi disse que viu soldados espancando um homem ferido que se parecia com o militante.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    1,36
    3,138
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,01
    63.530,78
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host