UOL Notícias Notícias
 

12/06/2006 - 11h20

EUA: Autópsia mostra que bomba matou Zarqawi

da BBC, em Londres
A autópsia do corpo do militante Abu Musab al-Zarqawi revelou que os ferimentos que o mataram foram causados pelas bombas usadas no ataque aéreo a seu esconderijo, segundo um médico do Exército americano, coronel Steve Jones.
Jones e outros militares americanos reagiram nesta segunda-feira a alegações de que Zarqawi poderia ter sido maltratado – a tese surgiu depois que foi revelado que o militante, considerado o líder da Al-Qaeda no Iraque, inicialmente sobreviveu ao ataque.

Segundo o médico, não foram encontrados sinais de "espancamento ou qualquer ferimento provocado por armas de fogo".



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,18
    3,096
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,86
    63.521,34
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host