UOL Notícias Notícias
 

31/07/2006 - 08h43

Apesar de trégua, Israel descarta cessar-fogo imediato

da BBC, em Londres
O ministro da Defesa de Israel, Amir Peretz, disse nesta segunda-feira que, apesar de o país ter suspendido os ataques aéreos no sul do Líbano por 48 horas, ainda não há possibilidade de um cessar-fogo imediato.
Em pronunciamento no parlamento israelense, Peretz disse que se a ofensiva for interrompida, "os extremistas vão voltar a levantar a cabeça" e a ameaça a Israel voltará.

Israel vai "expandir e reforçar" os ataques. O gabinete de Defesa estuda como aumentar o escopo da operação.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,52
    3,318
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,82
    61.675,46
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host