UOL Notícias Notícias
 

09/08/2006 - 08h56

Dissidente e ex-colega de Fidel morre aos 79

da BBC, em Londres
Gustavo Arcos, um dissidente e ex-colega do presidente cubano, Fidel Castro, morreu de pneumonia aos 79 anos, na terça-feira, de acordo com oposicionistas cubanos.
Arcos lutou ao lado do líder cubano no ataque que marca o início da revolução de 1959, mas passou a criticar o governo mais tarde por achá-lo autoritário.

O dissidente foi o fundador da Comissão Cubana para Direitos Humanos, um dos primeiros grupos de oposição a surgir na ilha caribenha.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h10

    0,06
    3,138
    Outras moedas
  • Bovespa

    16h16

    -0,18
    75.856,05
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host