UOL Notícias Notícias
 

16/08/2006 - 04h20

Grã-Bretanha quer perdoar 'desertores' fuzilados da 1ª Guerra

da BBC, em Londres
O Ministério da Defesa da Grã-Bretanha recomendará um perdão póstumo a mais de 300 soldados fuzilados por violar normas militares durante a Primeira Guerra Mundial (1914-1918).
O ministro da Defesa, Des Browne, disse que vai procurar obter a aprovação de um perdão coletivo junto ao Parlamento Britânico.

"Embora esta seja uma questão histórica, eu estou ciente de como as famílias destes homens se sentem hoje. Elas tiveram que enfrentar um estigma por décadas", afirmou Browne.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    11h29

    0,00
    3,173
    Outras moedas
  • Bovespa

    11h33

    -0,43
    76.562,90
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host