UOL Notícias Notícias
 

06/09/2006 - 22h04

Realidade força Bush a reverter métodos na luta antiterrorista

da BBC, em Londres
George W. Bush não é um homem de se render, em especial nas questões sobre os métodos do seu governo na chamada guerra contra o terror, mas existem momentos em que até o presidente americano é prisioneiro da realidade.
Bush saiu quarta-feira das sombras e pela primeira vez admitiu a existência do programa secreto da CIA de detenção e interrogatório de suspeitos de terrorismo em várias partes do mundo.

O presidente anunciou a transferência de 14 destes detidos - altos integrantes da rede al-Qaeda - da custódia da CIA para a do Pentágono, na base de Guantánamo, em Cuba, e pediu que o Congresso aprove legislação permitindo que suspeitos de terrorismo sejam julgados por tribunais militares especiais. Entre eles está Khalid Sheik Mohammed, apontado como o mentor dos atentados do 11 de setembro.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,44
    3,190
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h21

    0,14
    76.390,52
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host