UOL Notícias Notícias
 

17/09/2006 - 11h32

Freira italiana de 71 anos é morta a tiros na Somália

da BBC, em Londres
Um grupo de homens armados baleou e matou um freira católica italiana na capital da Somália, Mogadishu. Ainda não se sabe se o assassinato tem relação com a polêmica sobre o discurso do papa Bento 16 que ofendeu muçulmanos.
A freira tinha 71 anos e trabalhava em um hospital de Mogadishu. O grupo deu vários tiros na religiosa, antes de fugir do local na confusão que se formou.

O segurança da freira também morreu no atentado.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h19

    0,39
    3,142
    Outras moedas
  • Bovespa

    16h31

    0,53
    64.649,51
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host