UOL Notícias Notícias
 

22/09/2006 - 05h15

Reconhecimento de Israel divide palestinos

da BBC, em Londres
O presidente palestino, Mahmoud Abbas, afirmou durante um discurso na sede das Nações Unidas que o novo governo de coalizão palestino, negociado com o Hamas, reconheceria Israel e renunciaria à violência.
Nesta sexta-feira, no entanto, o primeiro-ministro Ismail Haniya disse, em um sermão na cidade de Gaza, que não vai liderar um governo que reconheça Israel.

"Eu, pessoalmente, não chefiarei qualquer governo que reconheça Israel", disse ele, em uma das mesquitas da cidade.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    -0,94
    3,108
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,51
    63.853,77
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host