UOL Notícias Notícias
 

16/10/2006 - 06h55

Acusado de estupro, presidente de Israel evita parlamento

da BBC, em Londres
O presidente de Israel, Moshe Katsav, decidiu não participar da cerimônia de abertura do parlamento nesta segunda-feira, depois das ameaças de vários deputados de se retirar do local em protesto contra sua presença.
A decisão veio poucas horas depois de a polícia israelense ter solicitado o indiciamento do presidente por estupro e uso ilegal de grampo telefônico.

Katsav nega todas as acusações, inclusive a de que teria forçado duas mulheres que trabalhavam em seu gabinete a fazerem sexo com ele.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    -0,12
    3,165
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h22

    0,51
    76.591,09
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host