UOL Notícias Notícias
 

23/10/2006 - 10h28

Hungria marca 50 anos de levante em meio a protestos

da BBC, em Londres
Com uma série de cerimônias oficiais - e acirradas disputas políticas e manifestações de oposição ao primeiro-ministro Ferenc Gyurcsany -, a Hungria está marcando, nesta segunda-feira, os 50 anos do levante do país contra o domínio soviético.
A polícia teve que dispersar centenas de manifestantes que se concentravam diante do Parlamento em Budapest, poucas horas antes de uma solenidade que contou com a presença de dignatários de vários países, juntamente com Gyurcsany e o presidente Laszlo Solyom.

Alguns veteranos do levante se recusaram a apertar a mão do primeiro-ministro, alvo de protestos desde meados de setembro, quando uma gravação veio a público em que o primeiro-ministro admitiu que o governo havia mentido sobre o estado da economia para conseguir a reeleição, em abril.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    1,36
    3,138
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,01
    63.530,78
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host