UOL Notícias Notícias
 

24/10/2006 - 15h34

Brasil não aceitará decisão unilateral da Bolívia, diz Amorim

da BBC, em Londres
O chanceler brasileiro Celso Amorim afirmou que as negociações para adequar os contratos da Petrobrás na Bolívia não podem ser "escravas de prazos", segundo a agência de notícias Reuters.
Amorim disse que o Brasil não aceitará decisões unilaterais.

A declaração do chanceler acontece a menos de quatro dias do final do prazo determinado pelo governo boliviano para que as empresas de petróleo que operam no país se ajustem à nova legislação que entrou em vigor com o processo de nacionalização feito pelo presidente Evo Morales.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    14h10

    -0,69
    3,117
    Outras moedas
  • Bovespa

    14h14

    1,28
    65.464,74
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host