UOL Notícias Notícias
 

02/11/2006 - 18h34

Representante da E-Vote deve ficar no Equador

da BBC, em Londres
O representante da empresa brasileira E-Vote no Equador Santiago Murray confirmou que permanecerá no país depois de receber alta de um hospital onde está internado, informou nesta quinta-feira a agência de notícias EFE.
Murray havia preso na terça-feira, mas depois teve a prisão revogada. Na própria terça-feira, Murray foi hospitalizado depois de ter tido uma taquicardia.

O advogado de Murray disse que ele deve receber alta no fim de semana ou no máximo na segunda-feira.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host