UOL Notícias Notícias
 

23/11/2006 - 03h34

Conselho da ONU ajudará a investigar assassinato no Líbano

da BBC, em Londres
O Conselho de Segurança da ONU concordou com o pedido do Líbano para que ajude nas investigações sobre o assassinato ministro libanês anti-Síria Pierre Gemayel, ocorrido na terça-feira.
O atual presidente do Conselho, Jorge Voto-Bernales, do Peru, disse que não era necessário discutir o pedido.

Na terça-feira, o Conselho de Segurança da ONU já havia aprovado planos para a criação de um tribunal internacional para julgar os suspeitos pelo assassinato do ex-primeiro-ministro libanês Rafik Hariri, em fevereiro de 2005. Hariri também era um forte opositor da influência da Síria sobre o Líbano.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,18
    3,096
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,86
    63.521,34
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host