UOL Notícias Notícias
 

04/01/2007 - 12h46

Apelos não impedirão execuções, diz autoridade iraquiana

da BBC, em Londres
A pressão internacional contra a execução de mais dois condenados à morte no julgamento de Saddam Hussein não impedirá o cumprimento da sentença, segundo afirmou uma autoridade iraquiana à BBC.
Na quarta-feira, o novo secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-Moon, apoiou o apelo feito pela alta comissária de Direitos Humanos da ONU, Louise Arbour, para que o Iraque não executasse os dois condenados.

Segundo disse o deputado Sami al-Askari à BBC, a lei iraquiana não permite que a pena de morte seja revista, nem mesmo pelo presidente do país.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    09h39

    -0,36
    3,327
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,30
    61.087,14
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host