UOL Notícias Notícias
 

15/01/2007 - 17h53

Premiê espanhol admite erro ao confiar no ETA

da BBC, em Londres
O primeiro-ministro da Espanha, José Luis Rodríguez Zapatero, admitiu nesta segunda-feira ter cometido um "grande erro" ao acreditar que avanços pudessem ser feitos nas negociações de paz com o grupo separatista basco ETA.
Zapatero disse ter previsto uma melhora no processo de paz um dia antes de um ataque a bomba no dia 30 de dezembro, cuja autoria foi atribuída ao ETA.

O premiê pediu por "um grande consenso democrático contra o terrorismo".



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    -0,94
    3,108
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,51
    63.853,77
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host