UOL Notícias Notícias
 

24/01/2007 - 17h25

Premiê de Israel defende renúncia de presidente

da BBC, em Londres
O primeiro-ministro de Israel, Ehud Olmert, disse nesta quarta-feira que o presidente do país, Moshe Katsav, deveria renunciar devido às acusações de ter cometido diversos crimes, entre eles estupro.
“Nessas circunstâncias, não há dúvidas em minha cabeça de que o presidente não pode continuar na sua posição e que ele deve sair da posição de presidente&?8221;, disse Olmert, em entrevista a jornalistas.

A declaração foi feita poucos minutos depois de Katsav declarar que não renunciaria, a não ser que seja indiciado.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,12
    3,169
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h00

    -0,81
    76.267,09
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host