UOL Notícias Notícias
 

07/02/2007 - 19h37

Fabricantes de carros da UE criticam plano para cortar CO2

da BBC, em Londres
Fabricantes de veículos europeus tacharam de "desequilibrados" e "danosos" os planos da União Européia de obrigá-los a cortar em até 18% as emissões de dióxido de carbono.
Em um comunicado, a Associação de Fabricantes de Automóveis Europeus (Acea, na sigla em inglês) afirma que as metas "arbitrárias" estabelecidas pela Comissão Européia, órgão executivo da UE, levarão a demissões e à realocação da produção para países fora do bloco, "afetando severamente várias regiões européias".

A proposta da Comissão é aumentar a eficiência dos carros novos no uso de combustíveis até 2012. Um carro novo em 2005 emitia 162 gramas de CO2 por quilômetro. Com a redução de 18%, passaria a emitir 130 g/Km.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,34
    3,176
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h13

    -0,40
    76.283,16
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host