UOL Notícias Notícias
 

12/02/2007 - 09h09

Premiê da Austrália critica candidato democrata dos EUA

da BBC, em Londres
O primeiro-ministro da Austrália, John Howard, afirmou que a rede Al-Qaeda deveria "rezar quantas vezes for possível" por uma vitória do pré-candidato à presidência dos Estados Unidos, Barack Obama.
Howard criticou a opinião do democrata Obama – que anunciou no sábado a entrada na disputa pela candidatura do partido, ao lado da senadora Hillary Clinton &?8211; que afirmou que as tropas americanas deveriam deixar o Iraque já em março do ano que vem.

Obama rebateu dizendo que se o primeiro-ministro da Austrália está tão preocupado com o assunto, deveria aumentar o número de tropas australianas no Iraque. Caso contrário, as palavras dele seriam apenas "um punhado de retórica vazia".



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    1,36
    3,138
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,01
    63.530,78
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host