UOL Notícias Notícias
 

01/03/2007 - 18h42

EUA indiciam australiano preso em Guantánamo

da BBC, em Londres
Um juiz militar dos Estados Unidos indiciou nesta quinta-feira um australiano que estava preso há cinco anos em Guantánamo, sem direito à julgamento.
O australiano David Hicks, de 31 anos, é acusado de "fornecer apoio material ao terrorismo", de acordo com nota divulgada pelo Pentágono.

As acusações foram apresentadas apesar do pedido de autoridades da Austrália para que os Estados Unidos não prosseguissem com o indiciamento.



Continua...

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host