UOL Notícias Notícias
 

20/05/2007 - 14h51

Jornal paraguaio chama Brasil de 'imperialista e explorador'

Denize Bacoccina
Enviada especial a Assunção
O jornal paraguaio ABC Color critica duramente o Brasil num editorial de primeira página intitulado "Brasil, um país imperialista e explorador", publicado neste domingo, sobre a visita do presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao país.

O texto ocupa toda a primeira página e critica duramente o acordo da usina hidrelétrica binacional de Itaipu. O jornal diz que o Brasil explora o Paraguai ao comprar a energia da usina a preços abaixo do mercado.

O tratado estabelece que a energia deve ser vendida a preço de custo. Embora a usina seja de propriedade dos dois países, o governo paraguaio retira apenas 6% da produção e vende o restante ao Brasil.

'Frustração e ódio'
O ABC Color também diz que esta situação está criando na população paraguaia "uma frustração e ódio contra a impiedosa e tirânica política brasileira em relação ao nosso país", que, se não for modificada, "poderia criar situações de violência física entre cidadãos dos dois países".

"Se isso ocorrer, a attitude imperialista do Brasil em Itaipu será responsável", afirma. "Lula sabe muito bem que o infame Tratado de Itaipu assinado nas costas do povo paraguaio na época da ditadura militar, há mais de três décadas, sistematizou a expropriação do Paraguai por parte do Brasil do recurso natural mais importante de que dispõe o nosso país para impulsionar seu desenvolvimento econômico e o progresso social", afirma o editorial.

O jornal também critica a dívida de Itaipu com o governo brasileiro, que cresceu nos últimos anos por causa dos juros. Reivindicação antiga do governo paraguaio, o governo brasileiro editou em janeiro uma Medida Provisória que tramita agora no Senado para reduzir para cerca de metade os juros desta dívida.

No total, o jornal dedica dez páginas, de formato tablóide, à visita de Lula.

'Liderança'
No jornal Última Hora, o tom é mais moderado. A visita de Lula merece apenas um título no pé da primeira página, com cinco página internas cuja título principal é "Lula chega para assegurar a liderança do Brasil na região".

O jornal enumera as "promessas e compromissos não cumpridos" feitos pelo presidente Lula em julho de 2003, durante visita oficial do presidente paraguaio Nicanor Duarte Frutos a Brasília, na reunião de cúpula do Mercosul em Assunção em junho de 2005 e em janeiro deste ano, durante a reunião de cúpula do Rio de Janeiro.

O Última Hora destaca que já está em andamento a eliminação do fator de ajuste, que vai reduzir a taxa de juros sobre a dívida, mas diz que isso "não muda a realidade de Itaipu".

O destaque do jornal La Nación é o desequilíbro da balança comercial dos dois países, com crescentes superávits comerciais brasileiros.

A chamada de primeira página destaca que "Lula chega hoje ao país em meio a reclamações sobre travas comerciais" e em quatro páginas sobre a visita praticamente não fala de Itaipu, mas destaca o acordo sobre biocombustíveis que deve ser assinado nesta segunda-feira.

O presidente Lula chega a Assunção neste domingo às 16h (17h de Brasília). O primeiro compromisso é um encontro de empresários brasileiros interessados em investir no Paraguai.

À noite, ele janta com o presidente paraguaio na residência presidencial.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,75
    3,173
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h21

    -0,13
    76.891,84
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host