UOL Notícias Notícias
 

07/06/2007 - 11h55

Líderes do G8 chegam a acordo sobre clima, diz chanceler alemã

Guido Bergmanna/AFP
Angela Merker preside primeira reunião oficial da cúpula do G8, nesta manhã
ACORDO FRUSTRA AMBIENTALISTAS
INFOGRÁFICO: BALANÇO ENERGÉTICO
VEJA MAIS IMAGENS DA CÚPULA
Líderes do G8 chegaram a um acordo para enfrentar as mudanças climáticas segundo a chanceler alemã Angela Merkel. "Concordamos... que as emissões de CO2 primeiro devem ser suspensas e então reduzidas substancialmente", disse ela.

Os líderes reunidos em Heiligendamm teriam concordado em negociar um substituto para o Protocolo de Kyoto dentro de um modelo da ONU.

Merkel estava pressionando pelo corte de 50% nas emissões até 2050. Os Estados Unidos resistiram à pressão pela imposição de metas.

ACORDO ANTIMÍSSEIS
Alexander Nemenov/AFP
Os Estados Unidos consideraram positiva a oferta russa de usar um radar no Azerbaidjão como parte de um escudo antimísseis para protejer a Rússia, os EUA e a Europa, disse hoje o conselheiro de Segurança Nacional, Stephen Hadley
LEIA MAIS
ENTENDA O PROJETO DOS EUA
A chanceler alemã disse que os líderes do G8 concordaram em analisar a meta proposta por ela, mas não houve sugestão de que um acordo final iria incluir qualquer compromisso obrigatório para grandes cortes nas emissões.

O correspondente da BBC em Heiligendamm Steve Rosenberg afirma que a chanceler alemã apresentou o 'acordo' como um grande sucesso.

O compromisso firmado parece trazer o plano do presidente americano George W. Bush para o âmbito da ONU - algo que vinha gerando resistência dos Estados Unidos.

Antes da reunião do G8, Bush tinha proposto o estabelecimento de seu próprio processo de negociações para o controle do clima.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,56
    3,261
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h21

    1,28
    73.437,28
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host