UOL Notícias Notícias
 

02/07/2007 - 14h36

Ministros reclamam de falta do que fazer no Quênia

Pelo menos 30 ministros-assistentes do Quênia enviaram uma carta ao presidente reclamando da falta de trabalho.

"Eu apenas vou ao escritório e fico lendo jornais", disse Abu Chiaba, ministro-assistente da Pesca.

Seu colega do Ministério do Turismo e Vida Selvagem, Kalembe Ndile, disse que fica sabendo das decisões políticas do governo por meio da imprensa.

O presidente queniano Mwai Kibaki prometeu um governo enxuto quando assumiu em 2002, mas ao invés disso aumentou o número de empregos no governo para recompensar seus parceiros de coalizão.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    1,02
    3,178
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,90
    67.976,80
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host