UOL Notícias Notícias
 

06/08/2008 - 15h54

Chinês que decapitou homem em ônibus pede para ser morto

O homem acusado de esfaquear e decapitar um passageiro em um ônibus no Canadá pediu para ser morto, quando um juiz lhe perguntou se ele queria um advogado.

Vince Weiguang Li, de 40 anos, é acusado de assassinato em segundo grau por ter, de acordo com relatos de outros passageiros que estavam no ônibus, esfaqueado e decapitado Tim McLean, de 22 anos, na quarta-feira passada.

O juiz ordenou que Li, um cidadão chinês que emigrou para o Canadá há quatro anos, seja submetido a testes psiquiátricos antes de aparecer novamente no tribunal, no dia 8 de setembro. A promotora Joyce Dalmyn, que pediu a avaliação, disse ao tribunal que Li foi visto comendo pedaços da sua vítima e que levava a orelha, o nariz e parte da boca de McLean dentro do seu bolso, em uma sacola plástica.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    -0,94
    3,108
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,51
    63.853,77
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host