UOL Notícias Notícias
 

18/02/2009 - 22h08

Menino de dois anos se 'casa' com cadela na Índia

Um menino de dois anos de idade se "casou" com uma cadela em uma pequena vila do leste da Índia para "espantar maus espíritos e a má sorte", segundo seus pais.

O "casamento" aconteceu na vila tribal de Patarpur, no Estado de Orissa, na última segunda-feira.

O "noivo", chamado Sagula Munda, foi levado para a casa onde vive a cadela, Jyotti, em um riquixá (veículo tradicional no Oriente) decorado. A cerimônia foi celebrada por um religioso.

De acordo com testemunhas, o "casamento" foi realizado de acordo com as tradições do hinduísmo, com cânticos em sânscrito e um banquete.

Segundo o pai do garoto, Sanrumula Munda, casamentos do tipo são tradicionais e podem ajudar a espantar os "maus presságios" trazidos por um problema que o garoto tem nos dentes.

"Comunidades tribais não apenas deste Estado, mas também de Chhattisgarh e Jharkhand, observam estes rituais para manter os maus espíritos afastados", disse o pai da criança. Segundo ele, casamentos arranjados entre crianças e cachorros protegem os menores de "fantasmas e má sorte".

O problema que o garoto tem nos dentes, segundo seus parentes, traria mau agouro tanto para a família quanto para seus vizinhos.

Já o dono do animal, Parakrama Munda, afirmou que esta foi "apenas uma cerimônia para agradar uma divindade tribal".

Ele ainda classificou o acontecimento como uma superstição, comparando-o ao hábito de usar amuletos.

Um dos convidados para o casamento, afirmou que a cadela passou algumas horas na residência do "noivo".

"Mas não (ficou) dentro da casa...ela ficou na varanda", disse.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    15h29

    0,01
    3,336
    Outras moedas
  • Bovespa

    15h35

    -0,12
    61.197,79
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host