UOL Notícias Notícias
 

26/02/2009 - 19h27

Polícia prende jogadores de futebol por tráfico de drogas na Espanha

A polícia da Espanha prendeu 11 pessoas, incluindo jogadores de futebol profissionais e agentes da Fifa, por a suspeita de tráfico de drogas.

As prisões se seguem à descoberta de 600 kg de cocaína escondidos dentro de um contêiner em um barco que vinha da Argentina para a Espanha.

As autoridades espanholas acreditam que os suspeitos estavam usando seus contatos no mundo do futebol como fachada para o tráfico.

A polícia diz que dois agentes da Fifa e jogadores de futebol ativos e aposentados estão entre os presos, que foram detidos em várias cidades do país.

Relatos da imprensa indicam que um dos ex-jogadores detidos chegou a atuar no Atlético de Madrid, um time da elite do futebol espanhol. Os mesmos relatos dão conta de que o líder dos traficantes foi técnico de um time francês da primeira divisão.

Dentro do contêiner encontrado em Madri, a polícia encontrou os 600 kg de cocaína divididos em pacotes que foram escondidos em peças para máquinas usadas para produzir energia eólica.

As autoridades alegam que os agentes da Fifa organizaram as operações de contrabando em uma viagem à América Latina.

No ano passado, a polícia espanhola prendeu mais de oito mil pessoas por crimes associados à cocaína. De acordo com um estudo da União Europeia, os espanhóis consomem mais drogas do que qualquer outro país na Europa.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,01
    3,285
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,56
    62.017,97
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host