UOL Notícias Notícias
 

03/04/2009 - 16h23

Vaticano reconhece 'virtudes' que aproximam irmã Dulce da beatificação

Um documento divulgado pelo Vaticano nesta sexta-feira reconhece "virtudes heroicas" de irmã Dulce, uma etapa considerada fundamental no caminho para que ela possa ser considerada uma santa.

O texto, que inclui decretos aprovados pelo papa Bento 16 sobre processos de beatificação e canonização, cita a "serva de Deus Dulce Lopes Pontes, freira da Congregação das Irmãs Missionárias da Imaculada Conceição da Mãe de Deus".
  • 30.dez.1982/Divulgação

    Com o reconhecimento das suas virtudes, a religiosa passou a receber o título de venerável. "Agora a beatificação está mais próxima, falta apenas a comprovação do milagre, que está sendo examinado pela comissão vaticana", diz postulador da causa


Com o reconhecimento das suas virtudes, a religiosa - que morreu em 1992, aos 77 anos - passou a receber o título de venerável.

O padre Paulo Lombardi, postulador da causa de beatificação de irmã Dulce, comemorou a notícia. "É um evento extraordinário, uma grande conquista", disse à BBC Brasil.

O titulo é o reconhecimento de que a freira viveu de forma heroica as virtudes cristas da fé, esperança e caridade e significa que o papa e a igreja aceitam e endossam tudo o que ela fez, disse e escreveu durante sua vida, explicou o prelado.

"Agora a beatificação está mais próxima, falta apenas a comprovação do milagre, que está sendo examinado pela comissão vaticana."

"Madre Teresa do Brasil"
O processo de beatificação da religiosa brasileira, que trabalhou na capital baiana e destinou sua vida ajudar a população carente, começou em janeiro de 2000.

Paulo Lombardi não deu detalhes a respeito do suposto milagre que está sendo analisado, mas adiantou que se trata da cura de um doente em Aracaju.

Pela dedicação aos pobres e mais necessitados, irmã Dulce foi definida como a "Madre Teresa do Brasil" pela comissão vaticana que examinou sua vida e suas obras de caridade.

Em 2003, a Congregação da Causa dos Santos recebeu os atos jurídicos do processo e reconheceu um possível milagre ocorrido por intercessão da religiosa, que ainda precisa ser comprovado.

Uma graça é considerada milagre após ficar demonstrado que foi alcançada logo após o pedido; se o pedido foi atendido de forma completa, se foi permanente e se não pode ser explicado pela ciência.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    -0,94
    3,108
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,51
    63.853,77
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host