UOL Notícias Notícias
 

08/05/2009 - 15h31

Estátua russa de 85 metros 'está prestes a desabar'

Uma autoridade do governo da Rússia confirmou à BBC que um dos mais importantes monumentos do país, a estátua Pátria Mãe em Volgogrado, está prestes a cair.

Segundo o correspondente da BBC em Moscou Richard Galpin, a enorme estátua de 85 metros de altura está inclinada e já formou um ângulo tão precário que algumas pessoas estariam com medo de chegar perto do monumento.

A estátua não é fixada por suas fundações. Ao invés disso ela é mantida no lugar pelo seu próprio peso e o aumento do nível das águas na área onde se localiza está fazendo com que as fundações da estátua cedam.

De acordo com Galpin a autoridade que fez a denúncia não quis se identificar, mas falou que a estátua já apresenta uma inclinação de cerca de 20 centímetros e se a estátua inclinar apenas mais alguns centímetros, poderá cair.

A autoridade do governo russo também afirmou ao correspondente da BBC que o problema está piorando mais rápido do que o previsto e serão necessários mais de US$ 7 milhões para os reparos no monumento.

Apesar disso, a autoridade afirmou que tem poucas esperanças de conseguir o dinheiro devido à atual crise econômica.

Os serviços de segurança locais teriam afirmado que o dinheiro que já tinha sido dado pelo governo para a restauração foi roubado. Orgulho russo A estátua Pátria Mãe era a maior do mundo quando foi inaugurada no final dos anos 60.

O monumento foi construído sob as ordens de Nikita Khrushchev para marcar a batalha de Stalingrado (antigo nome de Volgogrado) na Segunda Guerra Mundial, quando o Exército soviético conseguiu derrotar as forças da Alemanha nazista que invadiam a Rússia.

A batalha épica que começou em 1942 levou à morte de quase dois milhões de pessoas e foi o momento em que a sequência de vitórias do Exército alemão foi interrompida. A Batalha de Stalingrado é motivo de muito orgulho para os russos e é vista como um momento de virada na Segunda Guerra Mundial.

A denúncia de que o memorial de guerra estaria em condições precárias surge no momento em que a Rússia se prepara para celebrar o Dia da Vitória, neste sábado, que marcou a vitória do União Soviética sobre os nazistas na Segunda Guerra Mundial.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host