UOL Notícias Notícias
 

23/12/2009 - 06h14

Velejadora de 14 anos desaparecida é escoltada de volta para casa

Uma adolescente holandesa de 14 anos encontrada em uma ilha do Caribe após ter desaparecido na semana passada, foi escoltada de volta para casa na Holanda. Laura Dekker, proibida pelas autoridades de tentar se tornar a pessoa mais jovem a dar a volta ao mundo sozinha em um veleiro, desapareceu na quinta-feira. Um tribunal deve decidir, ainda nessa terça-feira, se a adolescente, que oficialmente está sob os cuidados do Estado, pode continuar a viver com seu pai. As autoridades holandesas dizem não entender como a adolescente conseguiu chegar à ilha de St Maarten, nas Antilhas Holandesas, na costa da Venezuela. Ao comunicar seu desaparecimento na semana passada, a polícia disse que o barco da menina estava ancorado, que ela parecia ter deixado a casa do pai desacompanhada e que não havia suspeita de atividade criminosa. A polícia disse que chegou a emitir alertas a aeroportos, inclusive em países vizinhos, sobre o desaparecimento da velejadora. Laura Dekker planejava começar a aventura ao redor do mundo em setembro passado, com o consentimento dos pais, mas a Justiça alegou que as preocupações com sua segurança eram sérias demais. A velejadora foi então colocada sob os cuidados do Estado até julho de 2010, mas o tribunal holandês permitiu que ela continuasse vivendo com o pai. Na época da decisão da Justiça, em outubro, a porta-voz de Dekker disse que ela estava desapontada, mas que a adolescente ainda conseguiria o recorde se completasse a viagem no ano que vem. Experiência Laura Dekker nasceu a bordo de um veleiro na costa da Nova Zelândia enquanto seus pais faziam uma viagem de sete anos ao redor do mundo. Apesar da pouca idade, ela é uma velejadora experiente, que já tinha um barco aos seis anos e velejava sozinha aos 10. Seu pai, Dick Dekker, apoiava sua tentativa de quebrar o recorde mundial, mas a mãe já havia expressado algumas preocupações. A adolescente planejava passar dois anos a bordo de seu barco para quebrar o recorde batido em agosto por Mike Perham, um britânico de 17 anos. Perham enfrentou enormes ondas, ventos fortíssimos e teve problemas técnicos durante o trajeto de 45 mil quilômetros, que completou em 9 meses.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host