UOL Notícias Notícias
 
02/01/2010 - 07h26

Autoridades do Irã permitem visita de Sakineh à família

Sakineh se reuniu com o filho e com jornalistas em Tabriz
Sakineh Mohammadi Ashtiani, a iraniana acusada de adultério e condenada à morte por apedrejamento visitou os filhos na cidade de Tabriz, noroeste do Irã.

As autoridades do país deram a Sakineh a permissão para o que eles chamaram de "visita fora da prisão", para um jantar com os filhos.

A iraniana se reuniu com seu filho e filha em Tabriz com a presença de jornalistas, que assistiram também a imagens de Sakineh e seu filho, Sajjad Ghaderzadeh, jantando e conversando calmamente em uma casa da cidade.

Sakineh também afirmou aos jornalistas que não foi torturada na prisão.

"São boatos", disse.

"Qualquer entrevista que eu tenha dado até agora, foi voluntariamente. Ninguém me obrigou. Falei o que queria", acrescentou.

O caso de Sakineh ganhou destaque internacional quando foi revelado há alguns meses que ela seria executada por apedrejamento, devido à acusação de adultério. A execução ocorreria depois que os pedidos de clemência da iraniana foram rejeitados.

Depois de muita pressão internacional, as autoridades iranianas afirmaram que a sentença de apedrejamento determinada em 2006 tinha sido suspensa, mas ela ainda enfrentaria a sentença de morte pelo assassinato do marido.

Pedido
O filho de Sakineh pediu que as autoridades do país não a executassem.

Sajjad Ghaderzadeh afirmou que a família já tinha perdido o pai e não quer perder também a mãe.

Ghaderzadeh foi preso em outubro e libertado depois do pagamento de fiança, pois conversou com dois jornalistas alemães sobre o caso de sua mãe. Os dois jornalistas também foram presos em Tabriz, em outubro, depois da entrevista.

O governo iraniano afirma que os dois, identificados apenas como um repórter e um fotógrafo, admitiram que violaram as leis iranianas.

No encontro com seus filhos e com os jornalistas Sakineh afirmou que planeja processar os dois jornalistas e acrescentou que eles a "constrangeram".

"Tenho uma reclamação a respeito dos dois alemães que me constrangeram", disse a iraniana. "Por que eles vieram aqui? Por que eles vieram aqui e se fingiram de jornalistas?"

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    14h00

    -0,48
    3,267
    Outras moedas
  • Bovespa

    14h07

    1,04
    63.883,44
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host