UOL Notícias Notícias
 

12/02/2010 - 16h10

Gerente da Casa da Moeda chilena é demitido por erro em moeda

O gerente geral da Casa da Moeda do Chile, Gregorio Iñiguez, foi demitido do cargo depois de milhares de moedas chilenas terem sido produzidas com o nome do país escrito de maneira errada.

Em vez de C-H-I-L-E, as moedas traziam C-H-I-I-E estampado em sua face.

As moedas de 50 pesos chilenos entraram em circulação em 2008, mas ninguém havia notado o erro até o ano passado. Mesmo assim, as autoridades chilenas dizem não ter planos de recolhê-las.

O correspondente da BBC em Santiago Gideon Long contou que a população está caçando as peças para guardá-las, porque as moedas viraram alvo de colecionadores e há quem pague um bom dinheiro por elas.

Além de Gregorio Iñiguez, outros empregados da instituição também foram demitidos.

A recente trapalhada com as moedas não foi o primeiro erro embaraçoso do órgão chileno.

Em outubro de 2009, um funcionário vendeu a um colecionador uma medalha rara, que deveria ter sido mantida no museu da Casa da Moeda.

Um mês depois, outra medalha, desta vez estampando o rosto da presidente chilena Michelle Bachelet, foi inadvertidamente vendida.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    11h19

    -0,27
    3,170
    Outras moedas
  • Bovespa

    11h28

    0,32
    68.193,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host